Mesa diretora da Assembleia Legislativa decide demitir 245 comissionados

A Mesa DIretora decidiu, a Comissão de Justiça (CCLJ) vai analisar e aprovar o projeto de lei e o plenário da Assembleia deverá ratificar o corte de cargos comissionados dos gabinetes dos 49 deputados  / João Bita/Alepe

Em reunião concluída na noite desta quarta-feira (26), no gabinete da presidência da Assembleia Legislativa, a Mesa Diretora decidiu - para reduzir despesas e o custo da estrutura dos 49 gabinetes - realizar um corte de pessoal, estabelecendo a demissão de cinco comissionados por cada deputado, o que equivale à demissão de 245 servidores em cargo de comissão. Foi o que informou o NE10.

A mesa determinou que seja imeditamente preparado o projeto de lei que vai alterar a lei que determina o número atual de vagas nos gabinetes. Proposta chega na próxima terça-feira (01/09) à Comissão de Constituiçõa, Legislação e Justiça (CCLJ) para ser aprovada, ir ao plenário, que deverá endossar, e imediatamente entra em vigor já para a folha de pessoal de setembro. 

Comentários

Anterior Proxima Página inicial