Naufrágio deixa mortos na Malásia

Um navio com mais de 70 pessoas a bordo afundou, nesta quinta-feira (3), na Malásia, matando pelo menos 14 pessoas, 13 das quais mulheres, informou a Agência de Segurança Marítima malaia. O naufrágio ocorreu na península de Malaca, nas águas de Sabak Bernam, no estado malaio de Selangor.

De acordo com a Agência de Segurança Marítima malaia, 20 pessoas foram resgatadas das águas com vida.

As equipes de resgate chegaram ao local do naufrágio após serem alertadas por pescadores que presenciaram o incidente, afirmou o portal de notícias "AstroAwani".

O barco deixou Sabak Bernam, no estado de Selangor, e rumava para Sumatra, na Indonésia. O número de passageiros no navio ainda não é oficialmente conhecido. Agências internacionais de notícias informam que embarcação transportava entre 70 e 100 pessoas. 

Segundo alguns meios de comunicação, os ocupantes da embarcação poderiam ser imigrantes clandestinos, mas as autoridades não confirmaram a informação.

No último mês de junho, 66 pessoas morreram quando um bote com 97 imigrantes ilegais procedentes da Indonésia afundou enquanto tentava alcançar a costa ocidental da Malásia.

O estreito da península de Malaca é uma importante área de tráfego marítimo por onde também transitam embarcações carregadas de imigrantes ilegais.(G1)

Comentários

Anterior Proxima Página inicial