Agreste registra mais de 90 tremores de terra em intervalo de nove horas


Tremor de magnitude de mais de 2.3 foi registrado entre São Caetano e Caruaru (Foto: Divulgação/ LabSis/UFRN)

G1

Entre as 0h e as 9h desta quinta-feira (25) ocorreram mais de 92 abalos sísmicos no Agreste de Pernambuco. A informação é do Laboratório Sismológico (LabSis) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). "O de maior intensidade aconteceu durante a madrugada, entre São Caetano e Caruaru, com o epicentro no primeiro município. O tremor foi de 2.0 de magnitude", informou ao G1 o sismólogo Eduardo Menezes.

Desde as 12h20 da terça-feira (23) até às 9h desta quinta (25), 400 tremores foram registrados na região, também de acordo com informações do LabSis. Já na tarde desta quinta ocorreu um abalo sísmico de mais de 2.3 de magnitude entre São Caetano e Caruaru.

O LabSis registrou na região um abalo de 3.8 de magnitude na terça (23). O fenômeno atingiu um raio de 50 quilômetros. Técnicos do laboratório estiveram em São Caetano para encontrar um lugar mais aproximado do epicentro do tremor. Localidades da zona rural do município foram visitadas e moradores entrevistados. A equipe deve monitorar a área devido ao alto número de abalos que ocorreram.

Moradores de outras cidades relataram em redes sociais que também sentiram os abalos: Toritama, Agrestina, Riacho das Almas, Belo Jardim, Brejo da Madre de Deus, Tacaimbó e Camocim de São Félix, no Agreste; além de Catende, Água Preta, Belém de Maria e Palmares, na Mata Sul.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial