Chuva forte e ventania derrubam casas, telhados e árvores em Orocó


Telhado do Ceasa Caiu (Foto: Carlos José Silvério/Arquivo pessoal)
G1

Na noite da segunda-feira (15) duas casas situadas no bairro Cohab Velha em Orocó, no Sertão pernambucano, caíram por causa da chuva forte e da ventania, que durou em torno de 20 minutos. Mesmo rápida, ela foi suficiente para fazer outros estragos. O telhado do Ceasa da cidade também foi danificado e o vento levou uma parte.

De acordo com o policial militar Carlos José Silvério da Silva, a chuva começou em torno das 23h30. Além do telhado do Ceasa e das casas, várias árvores caíram. "Eram antenas parabólicas voando, os telhados, toldos e tampas de caixa d'água voavam. Foi uma bagaceira grande", disse o policial. Segundo Carlos Silvério, os moradores estão nesta terça-feira (16) fazendo um mutirão para tentar ajudar as famílias atingidas.

Na madrugada desta terça-feira (16) a chuva forte e a ventania derrubaram muitas árvores no Povoado do Capim, na Zona Rural dePetrolina, Sertão pernambucano. Os registros foram feitos pelo militar Rafael Rodrigues, que tinha ido visitar os avós na localidade.

Segundo Rafael, a chuva começou por volta da meia-noite e durou duas horas. Somente que ele tenha visto, cerca de 10 árvores não resistiram à força do vento. “Eu não tenho lembrança disso ter acontecido antes”, disse o militar do Exército. Quatro das árvores podiam ser vistas na entrada do povoado. Outras estavam espalhadas na área central da localidade, em cima do posto de saúde e próximo à quadra de esportes.

A Secretaria de Infraestrutura  da Prefeitura de Petrolina informou por nota que será enviada uma equipe ao local até a quarta-feira (16) para realizar a retirada das árvores que estão caídas.

De acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), choveu em Orocó 11 milímetros. Em Santa Maria da Boa Vista, Cabrobó e Lagoa Grande também houve registro de precipitação.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial