Exposição retrata o Sertão através de telas feitas a partir de pirografia


Exposição retrata o Sertão nordestino (Foto: Reprodução/TV Grande Rio)

O Sertão é o tema de uma exposição que está aberta à visitação até o dia 20 de maio no hall da reitoria da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. São 30 telas feitas em madeira que resgatam algumas características de um sertão antigo e que estão presentes na vida das pessoas. A informação é do G1.

A técnica utilizada é a pirografia, uma das primeiras manifestações artísticas do homem, que une escrita e fogo. O trabalho pertence ao artista plástico Regi Fonseca que é natural de Sento-Sé, na Bahia e mora em Petrolina.

A ideia da exposição é divulgar a cultura nordestina, retratada através da pirografia. “São pontos entre pontos.Não pode colocar um ponto em cima do outro, senão vai ficar diferente. A gente precisa resgatar essas coisas, são nossas coisas e isso é fundamental, para qualquer povo, não só o sertanejo não, para qualquer povo do mundo”, explica.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial