Sobe para 2.495 o número de assassinatos neste ano em Pernambuco




Diário de Pernambuco

Somente em maio, foram registrados mais 457 homicídios em Pernambuco. Além dos assassinatos, ainda houve mais de 10 mil casos de roubos e furtos contra o patrimônio, entre roubos a bancos, ônibus, carros-fortes, comércios e transeuntes, sendo 105 assaltos a ônibus. Nos 31 dias do mês, foram registrados mais de 2,6 mil casos de violência contra a mulher e 147 crimes de estupro. Considerando os dados de janeiro a maio, já foram contabilizadas, oficialmente, 2.495 mortes violentas em todo o estado. Os dados foram divulgados pela cúpula da SDS, na tarde desta quarta-feira.

Se comparado ao mês de abril, quando foram registradas 514 mortes violentas, com uma média diária de 17,13 assassinatos, foram menos 57 mortes no mês de maio. Segundo a SDS, foram presas 199 pessoas em flagrante ou em cumprimento de mandado de prisão por assassinato. Ao longo do ano, já foram 963 presos. Quanto aos crimes violentos contra o patrimônio - que envolvem roubos e furtos - foram 10.107 apenas em maio. O número tem 179 crimes a mais, se comparado ao mês anterior, abril, quando foram registrados 9.928 Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVP).

"A nossa grande meta é reduzir sempre a criminalidade e oferecer segurança para a população. Nosso esforço é todo nesse sentido. A população de Pernambuco merece segurança e qualidade de vida. Nós somos o braço armado do estado e há que se respeitar as instituições e preceitos basilares de toda a polícia em todo o mundo: o principio da autoridade, o respeito a hierarquia e o respeito a disciplina. A Polícia Civil e a Polícia Militar estão no rumo certo", declarou o secretário de Defesa Social, Angelo Gioia.

Em maio, também foram registrados, oficialmente, 105 roubos a ônibus. O dado representa uma redução de 0,38% na média diária se comparado ao mês de abril, quando foram 102 ocorrências. Foram roubados 1.699 carros, uma média diária de 54,81, e 556 furtos de veículos, com média diária de 17,94.

VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

Os índices de violência doméstica e familiar contra a mulher também preocupam. Somente em maio, foram registrados 2.674 casos, com média diária de 86,26. Em abril, foram 2.706. Os casos de estupro, que em abril, oficialmente, houve 151 casos, em maio, foram para 147.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial