Açude Cachoeira 2 vai entrar em colapso e Compesa já traça aumento do racionamento em Serra Talhada



O Açude Cachoeira 2, que abastece Serra Talhada desde os anos 50, está a beira de um colapso total. O reservatório que tem capacidade de acumular 21 milhões de metros cúbicos d’água, conta hoje com apenas 5,9% do seu volume.

Por conta disso, a Compesa já emitiu comunicado a várias entidades de Serra Talhada, informando os riscos do colapso, uma vez que ao atingir 4% do volume, a água não poderá ser mais bombeada para estação de tratamento.

“Hoje ainda misturamos a água do Cachoeira com as águas do São Francisco, mas acreditamos que isso deve acontecer até meados de outubro/novembro, dependendo ainda da evaporação. Nossa preocupação agora é com a qualidade da água servida à população. Fazemos exames diários para ver os níveis de algas e toxinas no Cachoeira e manter a potabilidade”, disse o diretor operacional da Compesa, Francisco Sá.

Segundo o técnico, quando o Cachoeira atingir os 4% e for decretado o colapso, haverá aumento do racionamento em Serra Talhada. “Hoje o racionamento é de três dias por cinco sem água. Isso pode aumentar”, assegurou Sá. As informações está no Farol de Notícias desta sexta-feira.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial