Itália empata em San Siro: tetracampeã está fora da Copa do Mundo



A seleção italiana ficará novamente fora de uma Copa do Mundo após 60 anos. Depois de perder o jogo de ida na repescagem europeia para a Suécia, por 1 a 0, a equipe pressionou nessa segunda-feira, mas demonstrou uma notável incapacidade de criar. Empatou, assim, por 0 a 0, no estádio San Siro, em Milão, e não jogará o Mundial da Rússia.

E não se pode dizer que a histórica decepção seja fortuita. Depois de ser campeã mundial em 2006, na Alemanha, a Itália protagonizou vexames nas duas Copas seguidas: caiu na primeira fase tanto em 2010, na África do Sul, quanto em 2014, no Brasil

Na fase de grupos das Eliminatórias Europeias da Copa de 2018, por sua vez, foi a segunda de uma chave que tinha Albânia, Israel, Macedônia e Liechtenstein. Ficou atrás da Espanha, ao perder por um inapelável 3 a 0 em Madri, no Santiago Bernabéu.

O contestado técnico Gian Piero Ventura, então, tinha a chance de se redimir na repescagem, contra a Suécia. Decepcionou no duelo de ida, em Solna, ao perder por 1 a 0. E, nesta segunda-feira, sucumbiu frente à inoperância de sua equipe.

Campeã mundial em 1934, 1938, 1982 e 2006, a Itália não ficava fora de uma Copa desde 1958. Será, ainda, apenas a terceira vez que não jogará a competição – a outra ocorrera na edição de estreia, em 1930.

Já a Suécia, que disputará seu 12º Mundial, havia sido eliminada nas Eliminatórias em 2010 e 2014. E, coincidentemente, retorna a uma Copa quando seu principal astro, Zlatan Ibrahimovic, não está mais na equipe.

Fonte: Agência Estado

Comentários

Anterior Proxima Página inicial