Carregador de celular mata mulher eletrocutada no Agreste




Diário de Pernambuco

Uma mulher de 30 anos foi vítima de um choque elétrico provocado por um carregador de celular, na noite de quarta-feira, em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco. A vítima foi identificada como Gercica Barbara de Trindade, 30 anos. Segundo testemunhas, ela havia colocado o aparelho para carregar quando recebeu uma descarga elétrica. O caso ocorreu na casa da vítima, localizada no bairro São José.

Segundo a polícia, ao lado do corpo havia uma extensão conectada ao carregador de celular com fio desencapado. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado para o local, mas constatou que Gercica já estava morta. O corpo foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML), do município de Caruaru.

A Polícia Civil de Pernambuco informou através de nota que ainda não é possível estabelecer a causa da morte. O inquérito policial foi instaurado e o resultado do laudo pericial deverá sair em um prazo de 30 dias.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial