Patativa do Assaré e o combate ao preconceito linguístico são temas de palestra em Buíque



A compreensão da linguagem sertaneja e a obra de Patativa do Assaré, um dos mais importantes poetas nordestinos, serão abordadas em uma palestra sobre preconceito linguístico que o Sesc Ler realiza nesta quinta-feira (26/04), a partir das 14h, em Buíque. Os palestrantes serão os professores Carlos Alberto Cavalcanti e Gilberto Cosme, ambos da Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde (AESA/CESA) e o mediador será o poeta Leonardo Rogério da Silva. A entrada é gratuita.

O público vai conhecer um pouco da riqueza cultural do poeta popular, compositor, cantor e improvisador cearense Antônio Gonçalves da Silva, mais conhecido como Patativa do Assaré, e os professores vão fazer um paralelo da obra do poeta, carregada de elementos regionais, com o modo de falar do povo nordestino, que acaba suscitando o preconceito contra o sotaque da região.

“A ideia da palestra surgiu a partir da instituição do Dia Municipal de Combate ao Preconceito Linguístico, em Buíque, comemorado todo dia 5 de março, que marca o dia do nascimento de Patativa do Assaré. O Projeto de Lei nº25/2017, que criou a data, foi resultado das discussões surgidas a partir de um trabalho realizado pelos alunos do 5º Período da Licenciatura em Letras da AESA/CESA, em 2017, orientado pelo professor Gilberto Cosme sobre preconceito lingüístico”, explica Gilvaneide Marques, professora de artes do Sesc Ler Buíque.

A palestra será na Escola Técnica Jornalista Cyl Galindo, que fica na Rua São Jorge, S/N, no bairro Frei Damião, às 14h. A participação do público é gratuita.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial