Prêmio Petrobras de jornalismo lança categoria exclusiva para radiojornalismo




A quinta edição do Prêmio Petrobras de Jornalismo traz como principal novidade o lançamento da categoria de Radiojornalismo.  Destinada exclusivamente a reportagens veiculadas em emissoras de rádio de todo o país, a nova categoria premiará a melhor reportagem radiofônica que aborde algum dos temas do prêmio (Economia, Ciência e Tecnologia, Sustentabilidade, Cultura e Esporte).  A matéria vencedora receberá prêmio de R$20 mil*.

Na última edição, em 2017, dois trabalhos radiofônicos foram finalistas nas categorias Ciência e Tecnologia e Regional SP-Sul.  No total, foram 136 reportagens de rádio inscritas nas diferentes categorias, de um total de 1.782 trabalhos avaliados.

A inclusão de uma disputa exclusiva para rádio permite que a avaliação dos jurados seja mais precisa, a partir da comparação de reportagens que utilizam uma mesma linguagem jornalística. “A criação dessa nova categoria permite reconhecer o trabalho feito para esse meio tão singular que é o rádio, que mantém enorme popularidade e alcance no Brasil”, destaca Bruno Motta, gerente executivo de Comunicação e Marcas da Petrobras.

Regional

A exemplo das reportagens de telejornalismo, cuja categoria exclusiva foi incluída na edição de 2017, os trabalhos de radiojornalismo poderão, ainda, ser inscritos nas categorias regionais. Nas regionais, concorrem juntas reportagens de imprensa escrita, televisiva e radiofônica e devem abordar algum dos assuntos das categorias temáticas. Todos os trabalhos inscritos concorrem na categoria especial de Inovação e também ao Grande Prêmio Petrobras de Jornalismo.

As inscrições para o V Prêmio Petrobras de Jornalismo vão até o dia 31 de maio e devem ser feitas pelo site www.premiopetrobras.com.br. Podem concorrer os trabalhos veiculados entre 11 de janeiro de 2017 e 10 de fevereiro de 2018. Os vencedores serão conhecidos na cerimônia de entrega dos troféus em novembro de 2018.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial