Alckmin terá 11 minutos diários na TV e Bolsonaro só 18s; conheça as regras



O candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, é o líder em tempo de TV na propaganda eleitoral. Ele terá direito a 11 minutos diários, o que representa 44% do total disponibilizado aos candidatos.

Na sequência vem o PT, com 4min44s para apresentar seu candidato. O partido tenta manter o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, mas pode ser inviabilizado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Líder nas pesquisas de intenção de voto sem o petista, Bolsonaro terá só 9 segundos por dia para expor sua propaganda.

Os postulantes ao Planalto divulgarão seus planos de governo duas vezes ao dia, em blocos de 12min30s. Eles ainda têm direito a 28 inserções diárias de 30 segundos durante toda a campanha, divididos de acordo com as coligações e a representatividade no Congresso dos partidos a que se aliaram.

O PSDB, de Alckmin, tem a maior aliança com 8 partidos e por isso lidera em espaço. Fará 433 inserções durante toda a campanha, seguido pelo PT com 185 inserções. O 2º maior tempo de propaganda deve ser a oportunidade dos petistas de tornar conhecido o provável substituto de Lula nas pesquisas. Fernando Haddad ainda tem aparição tímida e não tem penetração nacional. (Poder 360)

Comentários

Anterior Proxima Página inicial