Bolsonaro quer alinhar Brasil e Estados Unidos escanteando outros parceiros do nosso país, diz Humberto no sertão de Pernambuco


Em agenda pelo sertão do Pajeú e de Itaparica, o líder da Oposição no Senado, o senador Humberto Costa (PT-PE), agradeceu a vitória política obtida nas regiões citadas e se colocou à disposição das lideranças locais para reconstruir um diálogo em prol da democracia brasileira. O petista foi questionado sobre o futuro econômico do Brasil e mostrou preocupação com os rumos tomados pelo governo em transição.

“Além de todos os retrocessos já esperados desse governo de Bolsonaro, economicamente os resultados podem ser trágicos. Essa política autoritária que afastou Cuba, resultando no fim do Mais Médicos, quer impor um alinhamento com os Estados Unidos e esquece de outros grandes parceiros econômicos do nosso país.  Isto é um risco” alertou Humberto.

O parlamentar reeleito participou de duas plenárias com lideranças do Sertão. Na sexta-feira (23), o encontro aconteceu em Afogados da Ingazeira, no sertão do Pajeú. Neste sábado (24), o diálogo aconteceu em Floresta, no sertão de Itaparica. Humberto destacou a importância da construção de uma unidade democrática em todo o estado.

“Nós precisamos formar duas frentes: uma frente de esquerda forte, fazendo uma oposição consciente, e uma frente mais ampla até mesmo com aqueles que não tem muito a ver com a nossa ideologia política mas que defenda, assim como nós, a democracia” apontou o senador.

Assessoria de comunicação do Senador Humberto Costa

Comentários

Anterior Proxima Página inicial