Guatemala monitora atividades de vulcão que pode ter erupções



As autoridades da Guatemala estão em alerta sob a ameaça de uma nova erupção do chamado Vulcão de Fogo. É a quinta vez que isso ocorre este ano. O governo anunciou a evacuação da comunidade de Sangre de Cristo, no departamento ocidental de Chimaltenango, mais próximo ao vulcão. Foi o que informou a Agência Brasil.

Em 3 de junho, houve a mais forte erupção do vulcão, provocando 190 mortes e mais de 1,7 milhão de evacuações. As autoridades confirmaram que monitoram as atividades do vulcão para definir medidas de emergência.

A Coordenação Nacional de Redução de Desastres (Conred) informou que a evacuação é uma medida preventiva em decorrência do aumento da atividade vulcânica. Foram acionados representantes municipais e departamentais coordenadores em Escuintla, Chimaltenango e Sacatepéquez.

De acordo com o Boletim do Instituto Nacional de Sismologia, Vulcanologia, Meteorologia e Hydrology, foi registrado aumento nas explosões, ainda moderadas, mas há uma espécie de coluna de cinzas constante, a uma altura de 5 mil metros acima do nível do mar.

Pelo último boletim, o fluxo de lava que vai em direção ao Cânion do Ceniza chega a 2.500 metros de comprimento.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial