SARA realiza reunião com sindicatos e produtores para tratar do Programa Leite de Todos


O secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Wellington Batista, acompanhado de demais integrantes da SARA, recebeu em reunião, nesta segunda-feira (26/11), sindicatos e produtores de leite de cabra e de vaca para tratar de assuntos relativos ao Programa Leite de Todos, incluindo repasses financeiros. O encontro contou com a presença dos deputados estaduais Nilton Mota e Waldemar Borges.

A reunião foi iniciada com esclarecimentos sobre o andamento e o alcance do programa, bem como o repasse de verbas aos produtores de leite. A contrapartida do Estado (no valor de 20% do total) já teve a liberação antecipada. Faltam ainda R$ 7,7 milhões, referentes à última parcela do ano de 2018, de responsabilidade do Governo Federal. Para solicitar a liberação desses recursos, o secretário Wellington Batista agendou viagem a Brasília, nesta terça-feira (27/11).

O Leite de Todos é um dos maiores programas em atividade na SARA. Criado em dezembro de 2000, é uma iniciativa exitosa do Governo de Pernambuco. “O Governo de Pernambuco demonstra preocupação com as famílias mais carentes do Estado, ao fornecer gratuitamente um litro de leite por dia, reduzindo as deficiências nutricionais de crianças, gestantes e nutrizes, bem como com o fortalecimento da cadeia produtiva da bovinocultura e caprinocultura. Por isso, todos os esforços serão feitos no sentido de dar continuidade do programa”, esclareceu o secretário.

Desde o início do programa, foram distribuídos mais de 63 milhões de litros de leite, com investimentos de R$ 123,990 milhões no programa (governos estadual e federal), que está presente em todas as regiões pernambucanas. Atualmente, são distribuídos 40 mil litros de leite por dia, por meio de 341 entidades cadastradas. Um total de 99.238 famílias já foram atendidas em todo o período.

São 183 municípios pernambucanos beneficiados, através de seis cooperativas e duas associações, que adquirem leite de vaca e de cabra dos 5 mil produtores cadastrados no Pronaf. A produção estimada é de até 19 litros/dia/vaca e 10 litros/dia/cabra.

Estiveram presentes na reunião o presidente do Sindicato das Indústrias de Laticínios e Produtos Derivados do Estado de Pernambuco (SindiLeite), Alex Costa; o presidente do Sindicato dos Produtores de Leite de Pernambuco (Sinproleite), Saulo Malta; o promotor de Justiça Lúcio Almeida; e Demócrito Elias, representando a Cooperativa dos Caprinocultores e Ovinocultores do Distrito de Jabitacá – CCODJA;  além de produtores de leite de cabra e de vaca.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial