'Vamos para vencer. Quanto ao Sport, não posso fazer nada', diz santista



JC Online

Autor de um dos três gols marcados pelo Santos na vitória sobre o Atlético-MG na 37ª rodada, o atacante Felippe Cardoso ratificou o pensamento do elenco do Peixe no duelo contra o Leão. De acordo com o jogador que balançou as redes pela primeira vez com a camisa santista na partida diante do Galo, o alvinegro vem para a Ilha do Retiro para vencer. Mesmo que o duelo não represente nada para a equipe de São Paulo.

O Santos está na 10ª colocação, com 50 pontos. A diferença para o Atlético-MG, equipe que fecha o G-6, é de seis pontos. Ainda assim, como  time deve ter ao menos seis desfalques para o jogo com o Leão, o atleta acredita que quem vier do banco de reservas vai dar o melhor de si para mostrar serviço. 

"É o último jogo, a última rodada e significa para aqueles que não vinham jogando. Poderão ter uma oportunidade de mostrar o seu trabalho e creio eu que aqueles que entrarem vão dar conta do recado. A gente vai para lá para vencer. Eu quero ir para vencer, para fazer gol, então espero que a gente saia com a vitória. Quanto ao Sport (risos) não posso fazer nada", comentou.

DUELO

Sport e Santos se enfrentam 16h (do Recife), na Ilha do Retiro. Além de precisar vencer o Peixe, os rubro-negros ainda precisam que dois de três resultados possíveis entre os rivais diretos contra o rebaixamento aconteçam. Com 42 pontos, o Vasco precisa perder do Ceará, a Chapecoense (41) empatar com o São Paulo - perderia para o Leão no número de vitórias (11x10) - ou o América-MG (40) também ficar na igualdade de placar com o Fluminense. 

Comentários

Anterior Proxima Página inicial