Rodrigo Maia grava vídeo de apoio a Glenn Greenwald


JC Online
Com informações da Folha de S.Paulo

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), fez um vídeo defendendo a liberdade de imprensa. A gravação foi feita para ser divulgada em um ato de solidariedade ao jornalista Glenn Greenwald e ao The Intercept BR, realizado pela Associação Brasileira de Imprensa nesta terça-feira (30), no Rio de Janeiro.

"Um agente público que vaza informações sigilosas que estão sob o seu comando também comete um crime. Todos os dois estão cometendo atos ilícitos. Um agente público entregou uma informação sigilosa a um meio de comunicação. Esse meio de comunicação deu divulgação. Ele está protegido pelo sigilo. Um hacker, um criminoso, extraiu informações de um cidadão. Passou para a sua fonte. Ela pegou essas informações e jogou na sociedade", disse o presidente da Câmara em um trecho do vídeo.

"O sigilo da fonte é um direito democrático", acrescentou Maia. "Não é a favor do Glenn, mas é a favor da nossa liberdade de expressão."

Às 20h09 desta terça-feira (30), Rodrigo Maia já ocupava o quarto lugar entre os assuntos mais comentados do Twitter, acumulando mais de 15 mil tweets. Em seu perfil na rede social, Glenn agradeceu pela manifestação. "Obrigado, Rodrigo Maia. Como eu disse varias vezes: uma imprensa livre não tem ideologia. É democracia x autoritarismo", afirmou.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial