Após desaparecimento, repórter da Record comete suicídio



Repórter da Rede Record no estado de Minas Gerais, Renato Soares faleceu na tarde desta segunda-feira (28) na cidade de Curvelo, a 170 quilômetros de Belo Horizonte, capital de Minas.

O fato ocorreu por volta das 13h, e surpreendeu a todos os colegas do jornalista, que lamentam profundamente o fato nas redes sociais. A Polícia Cívil de Minas já investiga o caso, mas segundo apurações do NaTelinha, Renato cometeu suicídio, pulando de um prédio no centro da cidade interiorana.

O motivo do suicídio ainda é desconhecido, segundo a Associação dos moradores de Curvelo falou à nossa reportagem, em contato telefônico.

Renato estava de licença do trabalho na Record, ainda decorrente do desaparecimento por 52 horas em setembro do ano passado. Ele estava se tratando de uma depressão que o afetava já de algum tempo. Mas a doença acabou lhe vencendo. Ainda não se tem informações de velório ou enterro.

Presidente da Record Minas, Gustavo Paulus, através de sua conta no Twitter, lamentou o falecimento de Renato Soares, ressaltando que ele era bastante querido: "Acabo de receber a notícia que o reporter Renato Soares faleceu há pouco. Nossos sentimentos a família... Forças neste momento de dor".

Antes de trabalhar na Record Minas, Renato Soares atuou na Globo de Minas Gerais, e sempre foi visto como um jornalista exemplar pelos colegas e amigos.

Na Telinha

Comentários

Anterior Proxima Página inicial