Lula de volta a Pernambuco



Do Diario de Pernambuco – Júlia Schiaffarino

O PT de Pernambuco está articulando a vinda do ex-presidente Lula para um ato no Estado e a expectativa é de que ele ocorra neste sábado ou, mais tardar, no início da próxima semana. A viagem faz parte da estratégia de concentrar a pressão sobre deputados da região Nordeste e de cidades pequenas e médias que, na avaliação do ex-presidente, são mais sensíveis à pressão anti-impeachment.

Durante a noite de ontem, os petistas recifenses estiveram reunidos para avaliar estratégias para promover um grande evento no Recife, capaz de capitanear apoio popular no Nordeste para barrar o processo de impeachment. Não foi informado se outras capitais da região e estariam na fila para receber a visita do ex-presidente. No sábado passado, o petista participou de um ato em Fortaleza.

A última vez que Lula esteve em Pernambuco foi em 17 abril de 2015, quando realizou uma palestra durante a inauguração da fábrica da Itaipava, em Itapissuma. O grupo Petrópolis teria pago, na ocasião, R$ 300 mil. 

 Esses atos fazem parte do calendário de manifestações contra o impeachment de Dilma fechado ontem pela Frente Brasil Popular, que congrega mais de 60 movimentos sociais, sindicais e partidos de esquerda.

A estratégia passa pela abordagem de deputados nos aeroportos das principais capitais no dia 11, quando a comissão do impeachment vai votar o relatório do deputado Jovair Arantes (PTB-GO).

Na véspera da votação na comissão, a frente vai fazer uma vigília com acampamento em Brasília, próximo ao Congresso, onde os manifestantes ficarão até o dia seguinte. Além dos grandes atos, a frente aposta em pequenas mobilizações em áreas periféricas das grandes cidades, onde foram criadas as Brigadas populares contra o golpe, e nas ações espontâneas capitaneadas por segmentos sociais, como artistas, estudantes, juristas e sindicalistas.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial