"Ele me salvou", diz Camila Pitanga sobre Domingos Montagner



Três dias após a morte trágica do ator Domingos Montagner, a atriz Camila Pitanga, que estava com o artista na hora do incidente, concedeu uma entrevista ao Fantástico, da Rede Globo. Ela narrou os momentos que antecederam o afogamento de Montagner nas águas do Rio São Francisco. "Vi o último olhar dele. Ele me salvou e me deu uma nova chance para viver".

Ela contou que ao chegar na prainha, o motorista estranhou o lugar vazio, mas que decidiram nadar mesmo assim. Eles mergulharam em um trecho profundo do rio, de acordo com a atriz, e estavam nadando a favor da correnteza, mas que ao perceber a força da água resolveram voltar. Foi quando ela disse ter se desesperado, porque não podiam vencer o curso do rio. Neste momento, Camila nadou em direção às pedras, para tentar se segurar. A atriz conseguiu subir e ficar segura, mas percebeu que Domingos não nadava. 

"Ele estava assustado. Peguei no antebraço dele e pedi para ter calma", disse. Camila contou que tentou puxá-lo, mas que o ator continuava estático. "Ele só dizia: 'não estou conseguindo'". Foi nesse momento que a atriz gritou por socorro. "Eu acho que alguma coisa estava o segurando e ele não dividiu a real comigo". Muito emocionada, a atriz disse que sabia que não podia salvar Domingos, porque corria o risco de morrer.

Montagner chegou a gravar cenas da novela na parte da manhã e após o término do trabalho, foi tomar um banho de rio, acompanhado da colega de trama.

As equipes de buscas localizaram o corpo do ator preso nas pedras, a 18 metros de profundidade da margem da prainha de Canindé de São Francisco - que fica na divisa entre Sergipe e Alagoas, onde foi visto pela última vez.

Correio Braziliense

Comentários

Anterior Proxima Página inicial