A presença de Michel Temer no Sertão, nesta 6ª, é uma piada e agressão aos sertanejos



Por Giovanni Sá, editor do Farol

O presidente Michel Temer vai estar no município de Salgueiro, nesta sexta-feira (9), em uma espécie de visita oficial. De acordo com a assessoria da Presidência, Temer fará uma visita à Estação de Bombeamento 3 do Eixo Oeste da Transposição do Rio São Francisco. O presidente fará um sobrevoo na obra e descerá na estação, por volta das 12h30. Segundo a assessoria, será apenas uma visita técnica e não haverá fala e nem presença de convidados.

Mas a visita do presidente sem votos pode se transformar numa piada. Nem mesmo o prefeito de Salgueiro, Marcones Libório (PSB), sabe o que diabos Temer veio fazer na região. “Não foi feito nenhum contato”, afirmou. “Só vejo uma possibilidade dele aqui: a Transposição, mas a obra está parada há cerca de quatro meses”, acrescentou Libório.

Mas o buraco é mais embaixo. Com a popularidade em queda e os protestos rodando à sua mesa, o presidente Michel Temer veio num momento de grande aflição para os sertanejos. A região sofre com uma longa estiagem e não há uma política hídrica eficaz de convivência com a seca. Para acabar de lascar o cano, o ‘Pacote da Previdência’ enviado pelo governo ao Congresso Nacional é um tapa na cara do brasileiro, em especial, nos nordestinos. O que diabos Temer veio fazer aqui?

Por enquanto, o governo do PMDB está cercado de suspeitas e é um governo inseguro, sem rosto, pálido e pode ficar sem norte. Vir sobrevoar uma região cercada de problemas estruturais e posar para as máquinas fotográficas, sem dúvidas; será uma agressão aos sertanejos. Torço que ele (Michel Temer) me surpreenda nesta visita. E tenho dito!

Comentários

Anterior Proxima Página inicial