Carnaval dos deputados federais vai durar 15 dias



Quem tem gostado do clima carnavalesco são os deputados federais, que terão 15 dias de “recesso”. Sem previsão de corte ou descontos no salário de R$ 33,7 mil, os políticos poderão deixar Brasília na tarde da próxima quarta-feira (22). Em vez de voltar ao trabalho na tarde da Quarta-Feira de Cinzas (1º), como a maioria dos trabalhadores, os parlamentares só voltarão ao batente no dia 7 de março.

Nos dias de recesso, o painel eletrônico não vai registrar a presença dos deputados, deixando eles mais à vontades para comparecer ou não ao plenário antes do dia previsto para a retomada dos trabalhos. No entanto, a Câmara informou que é possível que entre os dias 1º e 7 de março o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), possa marcar alguma reunião extraordinária.

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), marcou sessão para quinta (2). Os senadores só folgam nos dias de folia, ao contrário da Câmara.

Já no Supremo Tribunal Federal (STF) as coisas andam bem diferentes. Em portaria publicada no início do mês, a Corte confirmou o retorno das atividades na Quarta-Feira de Cinzas (1º), às 14h.

Para o governo federal o feriado de Carnaval também termina na quarta-feira (1º), com expediente normal depois do almoço. (Blog de Jamildo)


Comentários

Anterior Proxima Página inicial