Presos destroem cadeia pública em Serra Talhada, no momento permanece desativada.




Detentos da cadeia pública de Serra Talhada promoveram uma rebelião que deixou o lugar completamente destruído. A confusão teve início na tarde da última segunda-feira nas celas  3  e 6, quando os presos atearam fogo em colchões e utensílios. Eles também promoveram um quebra-quebra, arrancando grades de algumas celas e derrubaram parte da parede do pátio interno. Após a confusão, só controlada na madrugada desta terça-feira, todos os 77 detentos foram transferidos para unidades prisionais próximdas da região. Por enquanto, a cadeia de Serra Talhada permanece desativada.

O tumulto só foi resolvido depois que o juiz Marcus César Sarmento Gadelha, de Serra Talhada, conversou com os familiares, garantindo os direitos individuais dos prisioneiros. A negociação foi acompanhada do sub-comandante do 14º BPM, Major Costa Júnior. Dos 77 presos transferidos, 35 detentos deixaram o local ainda na madrugada com destino ao Presídio de Salgueiro, 38 para Arcoverde e quatro para Pesqueira. A Secretaria de Ressocialização determinou a abertura de sindicância para apurar a ocorência, que também foi registrada pela Polícia Militar na cidade. (Diário de Pernambuco)

Comentários

Anterior Proxima Página inicial