Humberto comemora liminar da ONU sobre os direitos políticos de Lula, durante agenda no sertão



Cumprindo extensa agenda no Sertão de Pernambuco, nessa sexta-feira (17), o candidato do PT-PE à reeleição ao Senado Federal, Humberto Costa, começou o dia em um grande ato no município de Custódia, junto com toda a chapa da Frente Popular. Durante o evento, o senador comemorou a notícia de que a Organização das Nações Unidas (ONU) reafirmou que o ex-presidente Lula não deve ter seus direitos políticos violados e pode ser candidato à presidência da República.

"A melhor noticia do dia foi a decisão da Comissão de Direitos Humanos da ONU que afirmou que Lula não pode ser impedido  de ser candidato a presidente e que pode fazer campanha, mesmo estando recluso. Essa decisão foi baseada no artigo 25 do Pacto Internacional dos Direitos Civis e Políticos, assinado pelo então presidente Sarney e deve ser cumprida imediatamente", cobrou o senador.

De Custódia, Humberto, Paulo Câmara e toda a majoritária seguiram para São José do Belmonte onde participaram de reunião com lideranças políticas da região e o deputado estadual, Rogério Leão (PR). Após o encontro, o senador e a comitiva seguiram para mais uma Prosa Política, no centro de São José do Belmonte, junto com o prefeito Romonilson Mariano (PHS) e lideranças locais. 

"Nós queremos reeditar em Pernambuco aquela parceria, de quando Eduardo era governador e Lula presidente. Foi a fase mais próspera do nosso estado. Diversas fábricas e obras vieram para cá. Foi a Refinaria, o Estaleiro, a Hemobrás, o Polo Petroquímico e tantos outros empreendimentos que só trouxeram benefícios para os pernambucanos", lembrou Humberto.

O parlamentar também exaltou a importância de se eleger novamente Lula presidente do Brasil. "Queremos aquele país de volta, quando o filho do pobre entrava na universidade e virava médico. Queremos aquele tempo em que não faltava comida na mesa do trabalhador", salientou.

Humberto também criticou o atual governo que só trouxe retrocessos para o país. "A gente sente falta daquele tempo em que se respeitava os direitos trabalhistas e o direito do povo se aposentar. Aquela turma de Temer, votou a favor da Reforma Trabalhista, prejudicando os que querem trabalhar com dignidade. É por um país mais justo que estamos juntos aqui nessa frente ampla que vai trazer Lula de volta e vai reeleger Paulo Câmara novamente governador de Pernambuco", proferiu o senador.

Neste sábado (18), a Frente Popular continua percorrendo o sertão pernambucano. A agenda começa com uma caminhada na feira em Triunfo, depois a comitiva segue para Carnaíba e Iguaracy. O dia do senador e da chapa majoritária termina em um ato político na cidade Igarassu, Região Metropolitana do Recife.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial