PE registra em agosto menor número de roubos em três anos


Foto: Nando Chiappetta / DP

Os Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP) registrados em Pernambuco durante o mês de agosto de 2018 ficaram no menor patamar desde abril de 2015. Ao todo, foram 7.222 ocorrências de CVPs notificadas em todo o Estado no mês passado, o que representa uma redução de 32,96% em relação ao mesmo período de 2017 (10.773). Com isso, Pernambuco já acumula 12 meses consecutivos de queda nas modalidades criminosas voltadas para a subtração de bens e valores, quando comparados ao mesmo período do ano anterior. O declínio nas investidas a coletivos, bancos, roubos de celulares, veículos e cargas puxaram as estatísticas para baixo.

Essa redução geral dos CVPs foi registrada em todas as regiões do Estado. No Agreste, por exemplo, foram 1.090 ocorrências notificadas em agosto deste ano, contra 2.066 no ano passado, ou seja, uma queda de 47,24%. Já no Sertão, foram 349 ocorrências em 2018, contra 556 no ano anterior, o que representa um decréscimo de 37,23%. Na Região Metropolitana (exceto a Capital), a redução foi de 28,30%, caindo de 3.138, em 2017, para 2.250, no mês passado. Por fim, na Zona da Mata, foram contabilizados 947 crimes contra o patrimônio no último mês, contra 1.206 em 2017 - um decréscimo de 21,48% nesse tipo de ocorrência. 

O Agreste, entre as regiões, foi responsável pelo maior declínio dos crimes contra o patrimônio em todo o ano de 2018. Um destaque foi Caruaru. Em agosto deste ano, a diminuição de roubos na cidade chegou a 61,3%, no comparativo com o mesmo mês de 2017. As ocorrências caíram de 857 de para 332..  

“Desde o ano passado, inauguramos novas unidades da PM no Interior, como o 1º BIEsp, em Caruaru, e o 2º BIEsp, em Petrolina. Além de novas Companhias Independentes em Tamandaré, Araripina e Lajedo. Também fortalecemos o trabalho de investigação da Polícia Civil com novas delegacias em Caruaru, Petrolina e Cabrobó, assim como descentralizamos a Polícia Científica para os municípios de Nazaré da Mata, Garanhuns, Afogados da Ingazeira, Arcoverde e Ouricuri. O Corpo de Bombeiros, que ganhou novas unidades em Carpina, São José do Egito, Surubim e Pesqueira, também tem reforçado o combate à violência por meio da Operação Bar Seguro. Os números demonstram a retração real da violência, e estamos aprimorando nossas estratégias de policiamento ostensivo e preventivo de modo a dar mais tranquilidade e sensação de segurança para a população”, diz secretário de Defesa Social, Antonio de Pádua. (Diário de Pernambuco)

Comentários

Anterior Proxima Página inicial