“Vamos fazer um grande pacto pela geração de empregos”, afirma Paulo



Considerado o Estado mais eficiente do Norte/Nordeste do Brasil, Pernambuco voltará a ter novas oportunidades de emprego e crescimento econômico. Com esse compromisso o governador e candidato à reeleição Paulo Câmara (PSB) comandou, na noite desta segunda-feira (10), mais uma edição do Prosa Política, em Ipojuca. Acompanhado dos companheiros de chapa majoritária - Humberto Costa (PT) e Jarbas Vasconcelos (MDB) -, da deputada Simone Santana (PSB), do candidato a deputado federal João Campos e do ex-prefeito Carlos Santana, Paulo afirmou que, na sua próxima gestão, será feito um pacto pela economia, que proporcionará a geração de novos empregos, afetados com a crise gerada no Brasil.

“Vamos trabalhar um grande pacto pela geração de empregos para devolver aquilo que a crise tirou. Pernambuco nunca recebeu tantos turistas como nos últimos anos e Ipojuca foi beneficiada com esse conjunto de ações. A gente vai trabalhar também para que o homem do campo tenha condições de trabalhar, para que ele tenha água na sua terra, e tenha seu título de posse”, afirmou Paulo Câmara. O gestor ainda destacou o crescimento de Pernambuco no primeiro semestre de 2018. Mais uma vez, o Estado apresentou o dobro do PIB do Brasil.

No ato, Paulo reforçou que, para continuar promovendo avanços para o povo pernambucano, é necessário investir na Educação. “Esse estado conseguiu avançar em todas as áreas. Temos a menor taxa de abandono escolar, a menor diferença entre escola pública e privada. Ou seja, a menor diferença entre escola do rico e do pobre. A gente não vai deixar de trabalhar enquanto as escolas não tiverem o mesmo nível e mesmas oportunidades em Pernambuco”, ressaltou. O gestor ainda falou que, além de continuar com os avanços no Estado, a população pernambucana deve contribuir para a retomada da esperança no Brasil, elegendo Lula e Haddad para a Presidência da República. “O Brasil tem que voltar a ser feliz e vocês sabem como. É para a gente votar no 13. Não querem deixar o Lula ser candidato. Vamos votar no Haddad”, completou.

O ex-prefeito Carlos Santana fez uma defesa firme em favor da eleição de Paulo, Humberto Costa, Jarbas Vasconcelos e de Lula, ressaltando o desenvolvimento do Estado quando PT e PSB estiveram juntos. “Esse time é de guerreiros e tem história. É o conjunto que sempre esteve ao lado dos mais necessitados e que olha para o futuro. Os outros estão no lado de Temer e a turma de Temer não vai ter vez, não”, defendeu.

O senador Humberto Costa também lembrou que a parceria entre o ex-presidente Lula e o ex-governador Eduardo Campos resultou em um dos melhores momentos econômicos para Pernambuco e para o município de Ipojuca. O petista destacou que, mesmo em um período de crise econômica, Paulo Câmara foi responsável por elevar a educação de Pernambuco, manter o controle do funcionalismo público e fazer importantes obras, sobretudo na área de recursos hídricos. “Se ele foi capaz de fazer tudo isso imagine se a gente tiver um presidente amigo de Pernambuco e do Nordeste. Por essa e outras razões vamos votar fechado no 40”, cravou Humberto Costa.

Também presente no encontro, o senador Jarbas Vasconcelos falou sobre o trabalho de Paulo Câmara e sua responsabilidade com a gestão pública. “Paulo tem trabalhado com pouco recurso, é uma pessoa correta e leal. É uma pessoa honesta e a gente precisa disso. De um homem honesto à frente dos destinos de Pernambuco”, enalteceu.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial