Residência Jurídica abre edital para nova seleção



Com o objetivo de promover um elo entre os jovens advogados e os escritórios de advocacia, a Escola Superior de Advocacia (ESA-PE), da OAB Pernambuco, em parceria com a Faculdade Nova Roma, lançou edital com 40 vagas para a segunda edição do curso Residência Jurídica. O programa é voltado para advogados e advogadas com até cinco anos de registro na OAB e está com inscrições abertas até o dia 16 de novembro, com prova marcada para o dia 1º de dezembro.

O Residência Jurídica é inédito no Brasil e funciona como uma imersão em um  conhecimento jurídico que vai além do que a graduação em direito compreende. São 140 horas de aulas teóricas distribuídas em disciplinas que focam no engrandecimento profissional, como, por exemplo, captação e manutenção de clientes, processo judicial eletrônico, oratória e técnicas de negociação e até como cobrar honorários advocatícios.

O alunos também cumprem carga horária prática de 200 horas de atividades jurídicas nos escritórios de advocacia parceiros, atuando na área de sua escolha, sob orientação de um tutor. O alunos são orientados em processos práticos de aprendizagem, como sustentações orais, análise de audiências e direcionamento de como se portar nelas, possuindo, ainda, chances de contratação ao final do programa.

Para o presidente da ESA-PE, Carlos Neves, essa é uma oportunidade que o jovem advogado tem para ganhar prática forense. “É uma forma de experienciar como funciona o dia a dia da advocacia e ficar bastante preparado para atuação no mercado de escritórios de advocacia. O Residência Jurídica foca na preparação de um profissional completo, com postura e visão do negócio”, explica Carlos Neves.

O edital com informações sobre o programa pode ser conferido no site residenciajuridica.faculdadenovaroma.com.br. Para realizar a prova de seleção, é necessário inscrever-se no site até o dia 16 de novembro. A taxa é de R$ 60.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial