VÍDEO: Bolsonaro bate continência e, constrangido, tenta oferecer café da manhã a assessor de Trump


John Bolton, um dos principais conselheiros do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em política externa, chegou às 6h54 à casa de Bolsonaro escoltado por batedores da PM.

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, bateu continência para o assessor de Segurança Nacional dos EUA, John Bolton, antes de uma reunião entre os dois na manhã desta quinta-feira (29) no Rio de Janeiro.

Bolton, um dos principais conselheiros do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em política externa, chegou às 6h54 à casa de Bolsonaro escoltado por batedores da PM numa comitiva com quatro carros e não falou com os jornalistas. Ele deixou o local menos de uma hora depois.

Sem falar inglês, Bolsonaro mostrou certo constrangimento ao receber Bolton. Após bater continência, ele fez sinais e pediu a assessores para dizer ao estadunidense que o seguisse até a mesa de café da manhã, onde tentou oferecer algo ao assessor de Trump.

Bolsonaro estava acompanhado do filho, o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL), e do futuro ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo.



Fonte: Revista Fórum

Comentários

Anterior Proxima Página inicial