'Faremos uma oposição programática', diz João Campos sobre governo Bolsonaro



Carregando o forte nome do seu pai, Eduardo Campos, o deputado federal mais bem votado de Pernambuco, João Campos (PSB) disparou elogios ao discurso de Paulo Câmara (PSB) em sua cerimônia de posse nesta terça-feira (1º). Campos ainda afirmou que o partido fará uma oposição programática no Congresso Nacional ao governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

"Será programática (oposição). Vamos lutar por aquilo que é de interesse do povo e lutar pelas conquistas que o povo brasileiro trouxe até aqui", cravou o deputado federal.

"Desde o primeiro momento que nos reunimos com a executiva do PSB Nacional, há um entendimento muito claro das divergências ideológicas que nós temos com o governo do presidente Jair Bolsonaro, mas que jamais vamos fazer uma oposição intransigente", completou João.

Discurso de Paulo

Em discurso de posse para cumprir segundo mandato como governador do Estado, paulo Câmara (PSB) agradeceu votos conquistados na campanha e afirmou que Pernambuco continuará avançando. "Retorno com a satisfação de dizer que a aprovação do nosso projeto político, que tem feito Pernambuco avançar nos últimos 12 anos, foi manifestada democraticamente pela maioria da população, em todas as doze regiões do nosso Estado, mais uma vez. Essa manifestação nos obriga a persistir nos avanços sociais que, com a unidade do povo, temos implantado em Pernambuco", declarou.

O socialista continua suas palavras e afirma que "os desafios do futuro serão enfrentados por caminhos abertos pelo diálogo, pela transparência, e fiscalizados pelo povo". "Avançaremos juntos com os poderes legal e legitimamente constituídos: o Legislativo, o Judiciário, o Ministério Público e o Tribunal de Contas, e com toda a sociedade", completou Paulo. (Da Editoria de Política)

Comentários

Anterior Proxima Página inicial