Navio com 3.500 carros da Nissan está à deriva no Pacífico

Navio Sincerity Ace pegou fogo no Pacífico durante viagem entre o Japão e o Havaí

A Nissan confirmou que cerca de 3.500 carros estavam no navio Sincerity Ace, de bandeira panamenha, que tombou no Pacífico. Os 16 tripulantes foram resgatados por outros navios a cerca de 2.800 quilômetros da ilha de Oahu, no Havaí.

De acordo com a Guarda Costeira americana, a tripulação pediu socorro após um incêndio a bordo. Há notícias de que três tripulantes morreram no incidente. A Guarda e a Marina americanas, bem como outros navios, estão procurando por outros dois desaparecidos.

O cargueiro tem capacidade para 5.200 veículos e se dirigia do Japão para o Havaí e outros portos nos Estados Unidos. Construído em 2009, o Sincerity Ace é de propriedade da Shoei Kisen Kaisha, que o aluga para a Mitsui OSK Lines, especializada no transporte de veículos.

A Shoei Kisen Kaisha já está formalizando um plano de resgate do cargueiro e enviou navios para o local. O Sincerity Ace desceria a costa pacífica dos Estados Unidos com paradas também no México e em Porto Rico. Na costa atlântica, pararia ainda nos estados da Flórida, Virginia e Maryland, dos EUA.

Não há informações sobre estado

A Nissan disse não ter informações sobre o estado do cargueiro e dos carros a bordo. Um porta-voz da fabricante afirmou à agência Automotive News que "o pensamento da marca está com os tripulantes do navio e na segurança das equipes de resgate".

Estadão

Comentários

Anterior Proxima Página inicial