Andressa Urach em comissão de Direitos Humanos: não tenho curso, sou capaz


Nomeada para o cargo de assessora da Comissão de Cidadania e Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, a ex-modelo Andressa Urach abandonou esta semana a faculdade de enfermagem e se matriculou num curso de gestão pública. Os novos estudos, ela garante, vão se somar "aos trabalhos voluntários que faço em presídios femininos e com mulheres vítimas de violência" e ser suficientes para abraçar o posto na assembleia.

À Universa, Andressa fala sobre essa nomeação -- por um deputado, presidente da Comissão e pastor da Igreja Universal do Reino de Deus, mesma congregação da qual Andressa faz parte -- relembra o vício em cocaína, o abuso sexual que sofreu na infância e fala da "importância de dar segundas chances a criminosos”. (Da Universa)

Comentários

Anterior Proxima Página inicial