Ex-Ministra de Lula faz palestra na Alepe em defesa do SUAS


Para a realização da Audiência Pública em Defesa do SUAS na Alepe, o deputado Isaltino Nascimento convidou como palestrante Márcia Lopes, assistente social e ex-ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome do Governo Lula. A audiência será realizada nesta quinta-feira (09.05), às 14h, no auditório Sérgio Guerra.

“Será um momento importante para unir forças contra o desmonte da seguridade que o governo federal está promovendo. Nossa luta é pela recomposição do orçamento da assistência social e se isso não acontecer pode ser o fechamento de toda a rede”, explica Isaltino. “Em Pernambuco mais de 1,4 milhão de pessoas são beneficiadas diretamente pelo SUAS, por meio dos programas Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC). Temos 22 mil trabalhadores do SUAS espalhados pelos quatro cantos do Estado”, ressalta Isaltino.  

Para o deputado federal Danilo Cabral, que também participará do ato na Alepe, é preciso ampliar a discussão sobre os cortes sistemáticos no orçamento da assistência social promovidos pelo governo. “Essa é uma área que deveria ser priorizada por ser responsável pelo atendimento de 30 milhões de famílias que estão em vulnerabilidade no país”, afirmou.

Será um momento para trabalhadores, gestores, conselhos e, principalmente, os usuários do SUAS discutirem junto a deputados estaduais e federais e prefeitos, os caminhos para fortalecer o SUAS, à luz da LOAS, respeitando e unindo forças para enfrentar os desafios do Brasil hoje. “A audiência, em que estarão juntas as Frentes Pernambucana e Parlamentar em Defesa do SUAS, será oportunidade vital para a troca e nivelamento de informação”, ressaltou Lourdes Viana, presidente do Conselho Estadual de Assistência Social de Pernambuco (CEAS).

Sobre o envolvimento da AMUPE no evento, a coordenação aposta na força e na participação de prefeitos na audiência. “Será importante uma vez que detalhes sobre COMO e QUANTO os municípios serão penalizados com o corte de recursos”, complementa Lourdes.

Segundo o secretário executivo de Assistência Social, Joelson Rodrigues é através das frentes de lutas que se consegue mobilizar todos os envolvidos. “Especialmente seus usuários para fazer a disputa política, por fundo público e pelo lugar preponderante do Estado na Proteção Social’, explica.

A audiência acontece através da articulação da Frente Parlamentar Especial em Defesa do SUAS na Alepe, que é presidida por Isaltino e é composta, também, pelas co-deputadas Juntas, Roberta Arraes, Fabíola Cabral, Tony Gel, Sivaldo Albino e Guilherme Uchôa.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial