Bolsonaro fala em eliminar cursos de autoescola no Brasil


O presidente Jair Bolsonaro (PSL) defendeu, nessa quinta-feira (25), em live no Facebook, o fim dos cursos de autoescola no Brasil. Para o chefe do Executivo, os exames deveriam ser cortados, reduzindo o processo a uma parte escrita e ao ensino prático.

“Eu acho que nem deveria ter exame de nada. Você faz uma parte escrita e vai para a prática, nem precisa cursar em autoescola”, defendeu.

Pela rede, Bolsonaro confessou que aprendeu a dirigir quando criança, sem a necessidades de curso para novos motoristas. “Com 10 anos de idade eu estava dirigindo trator na fazenda em Eldorado Paulista”, comentou.

O presidente também fez um apelo aos parlamentares para acatarem a proposta do governo de acabar com a obrigatoriedade de exames médicos em clínicas conveniadas ao Detran. “No projeto nosso você pode ter esse atestado com teu irmão, com teu pai, com o vizinho, com qualquer médico”, explicou.

“Espero que a Câmara não mexa nisso. Pelo contrário, aprove e até inclua mais coisas. Afinal 513 pessoas, mais 81 no Senado, têm cabeça para sugerir medidas para que fique mais barato isso aí”, continuou.

Apesar do depoimento, o presidente disse que a proposta ficará para um “segundo momento”. O chefe do Executivo já enviou, via projeto de lei ao Congresso Nacional, uma sugestão para o fim dos simuladores. Para o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, as máquinas aumentam em R$ 300 o valor do documento.

Além desses projetos, Bolsonaro quer aumentar a validade da carteira de motorista para 10 anos e acabar com o uso obrigatório de cadeirinhas infantis. Portal T5.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial