Noruega suspende repasses para o Fundo Amazônia


A Noruega anunciou nesta quinta-feira (15) a suspensão dos repasses de 300 milhões de coroas norueguesas, o equivalente a R$ 133 milhões, que seriam destinados ao Fundo Amazônia.

A Noruega é o principal doador do Fundo Amazônia seguido pela Alemanha, que nos últimos dias também suspendeu repasses a projetos de preservação da floresta.

Há dez anos o país nórdico colabora com o Brasil na proteção da floresta amazônica. Foram 8,3 bilhões de coroas norueguesas doadas no período, cerca de R$ 3,69 bilhões.

A decisão de suspender os recursos foi uma resposta ao aumento das taxas de desmatamento e às mudanças realizadas pelo governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) no Comitê Orientador do Fundo Amazônia.

A gestão do Fundo Amazônia virou alvo de controvérsia depois que o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, começou a criticar a destinação dos recursos e a forma como eles vêm sendo geridos. O governo brasileiro quer utilizar parte dos recursos para indenizar ruralistas por desapropriações de terras em unidades de conservação. A Noruega e a Alemanha são contrárias à medida.

Com informações de O Globo.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial