No Recife, título de cidadão para Lula será protocolado na segunda

Luiz Inácio Lula da Silva

A iniciativa faz parte da estratégia nacional do PT que visa a levar o ex-presidente Lula a rodar o País a partir do momento que deixou a Superintendência Polícia Federal em Curitiba, ao ser solto ontem. A proposta de Título de Cidadão do Recife para o líder-mor do PT será protocolada na segunda-feira na Câmara de Vereadores da Capital e é da autoria do vereador João da Costa (PT). Para aprovar, é preciso maioria simples e considerando que a bancada governista, base do prefeito Geraldo Julio, predomina na Casa, não há previsão de dificuldade.

João da Costa, que é ex-prefeito do Recife, vai pedir urgência na tramitação desse título na tentativa de trazer Lula à Capital pernambucana ainda este mês. Como há um evento que já vinha sendo programado para o dia 17, batizado Festival Lula Livre, há, no partido, quem ventile a possibilidade de casar as duas agendas. Nesse caso, a entrega do título poderia se dar no dia 18, mas não é certo, porque a data está muito em cima. O ex-presidente deixou a prisão, ontem, um dia depois de o Supremo Tribunal Federal (STF), por 6 votos a 5, decidir que um condenado só pode ser preso após o trânsito em julgado, alterando, assim, o entendimento vigente desde 2016, que permitia prisão após condenação em segunda instância. No primeiro discurso ao deixar a prisão, Lula falou em "safadeza" e "canalhice" do que chamou de "lado podre" de Ministério Público Federal, Polícia Federal, Justiça e Receita Federal, que, segundo ele, "trabalharam para tentar criminalizar a esquerda, criminalizar o PT, criminalizar o Lula". Se Jair Bolsonaro decidiu silenciar ontem, Lula não deixou morrer a polarização e atacou o presidente, que, agora, tende a esbarrar em uma oposição com mais fôlego. (Folha de PE)

Comentários

Anterior Proxima Página inicial