Política de Bolsonaro contamina democracia e reformas, diz Denis Rosenfield


Wellington Ramalhoso do UOL, em São Paulo

Eleitor de Jair Bolsonaro (sem partido), o professor de filosofia Denis Rosenfield se diz frustrado com o governo logo em seu primeiro ano. Para o filósofo, a gestão tem um "pendor autoritário" e considera como inimigos todos os que não concordam com ela.

O resultado disto, em sua análise, é uma ameaça à democracia e ao andamento de propostas que seriam relevantes. "O bolsonarismo está contaminando as instituições democráticas e está contaminando a pauta das reformas."

Vinculado ao Instituto Millenium, entidade de viés liberal, o filósofo é autor de livros como "O que é democracia" e "O Estado fraturado". Ele se diz surpreso com o grau de ideologização e o peso da influência do escritor Olavo de Carvalho no governo.

Na avaliação de Rosenfield, o foco de Bolsonaro é manter o apoio dos evangélicos e de cerca de 30% do eleitorado para alcançar o segundo turno das eleições de 2022.

Comentários

Anterior Proxima Página inicial