Bolsonaro ‘pedalou’ com verbas da previdência para pagar 13° do Bolsa Família


O governo de Bolsonaro e Guedes desviou recursos que seriam para pagar aposentadorias e pensões para pagar o 13° do Bolsa Família.

Parte do dinheiro reservada para a Previdência Social foi remanejada para evitar que cerca de um milhão de famílias ficassem sem receber a Bolsa Família e o 13° do programa em dezembro; informou a Folha de São Paulo.

A sobra na Previdência veio em parte do “pente fino” contra fraudes. Mas também houve atraso do INSS para atender a pedidos de aposentadorias e pensões.

Essa demora vem prejudicando idosos que aguardam uma reposta do INSS. Com esse represamento na análise, houve uma folga no orçamento da Previdência.

Apesar do esforço do governo, a cobertura do Bolsa Família segue caindo na gestão Bolsonaro. Em dezembro, foi a menor do ano passado: 13,1 milhões de famílias atendidas.

A queda na cobertura tem sido provocada artificialmente. O governo passou a controlar a inclusão de beneficiários no programa, cujo objetivo é reduzir a desigualdade no país, por causa da falta de dinheiro.

Ou seja, o 13° criado por Bolsonaro é pura demagogia. Na prática, o programa está encolhendo. Cerca de 700 mil famílias pediram o auxílio ao governo e aguardam na fila de espera.

Com informações da Folha de São Paulo.​

Comentários

Anterior Proxima Página inicial