Cláudia Marcelino Coordenadora da Vigilância em Saúde de Carnaíba testa positivo para Covid-19, e faz desabafo


Cláudia Marcelino, Coordenadora da Vigilância em Saúde no município de Carnaíba, testou positivo para Covid-19, e por conta disso se afastou das suas atividades. De acordo com suas informações o novo coronavírus  a fez ir para o hospital duas vezes, sendo que no momento encontra-se em recuperação e o quadro de saúde é estável.

Cláudia se pronunciou através da sua rede social o Facebook para fazer um desabafo sobre essa doença que tem se propagado em vários países, para que as pessoas reflitam sobre a gravidade que estamos vivendo atualmente. 

"Hoje eu gostaria de externar minha gratidão aos amigos queridos e familiares pela força e apoio emocional que tem me dado nos últimos dias.

Pensei muito antes de escrever esse desabafo, me expor em redes sociais. Mas, acho relevante provocar uma reflexão aos que interagem socialmente comigo aqui por esse canal de comunicação.

Há alguns dias, comecei apresentar sintomas característicos de COVID-19 e, com muita responsabilidade, procurei me afastar socialmente e fazer o teste Swab nasofaringe, cujo resultado saiu positivo, ontem. É... nesse momento tudo está mais tranquilo. Meu quadro de saúde é estável e me sinto um pouco melhor.

O que realmente me causou o desgaste, além das terríveis dores de cabeça, garganta, náuseas, falta de paladar e olfato e ainda crises respiratórias (uma vez que tenho asma) e isso, dificultou o problema que me levaram duas vezes ao hospital, foi o fato de perceber o descaso que muitas pessoas dão ao trabalho árduo e contínuo que, enquanto profissionais de saúde prestamos.

O medo de ter um agravamento e de passar por situações de tratamento mais sérios me levaram a um estado emocional muito tenso e um nervosismo imenso. Acho que tal angústia só será compreendida por pessoas que tenham passado por algo semelhante. Ou aqueles que saibam se colocar no lugar do lugar do outro.

Percebi ainda mais forte que todos nós, que nos doamos com empenho, com compromisso e responsabilidade para cuidar de outras pessoas, não temos a valorização, humanamente falando que merecemos. Que muitas pessoas não tem ideia do quão difícil é para cada um de nós que sai de casa, que se arrisca indo atrás de pessoas que desconsideram os protocolos e colocam tantos outros em risco... Enfim, percebi que falta muita empatia nas pessoas.

Espero logo estar bem para retornar ao combate. Mas, peço a cada um que venha a ler esse relato que possa refletir um pouco mais sobre o que está fazendo para ajudar a manter a saúde do coletivo. Para uns, a doença vem de forma até assintomática, mas o seu contato direto pode não ter a mesma sorte e passar por problemas muito piores. Se não for por você, faça pelos seus amigos, por sua família, pelo seu próximo...

Essa doença é uma caixinha de surpresas desagradáveis. Não se arrisque, se tem como evitar, se tem ferramentas de proteção. A principal delas, é seu bom senso". #REFLITAM

Comentários

Anterior Proxima Página inicial
Blog do Ivonaldo Filho - Todos os Direitos Reservados. Tecnologia do Blogger.