segunda-feira, 6 de abril de 2020

Bolsonaro decide demitir ministro da Saúde Mandetta, diz jornal


O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, pode ser demitido do cargo ainda nesta segunda-feira (6), segundo o que publicou o Jornal O Globo. Conforme a reportagem, auxiliares do presidente teriam confirmado a informação.

A demissão se daria em ato oficial marcado para esta tarde, no Palácio do Planalto. Bolsonaro estaria insatisfeito com o protagonismo de Mandetta ao conduzir a crise causada pela pandemia do novo coronavírus.

Bolsonaro deve se reunir ainda nesta segunda com todos os ministros para anunciar a decisão e publicá-la em Diário Oficial.

Osmar Terra, deputado federal pelo MDB-RS é o nome mais cotado, até o momento, para assumir o comando do Ministério, conforme O Globo.

Mandetta

Ex-deputado federal por Mato Grosso do Sul, Mandetta é médico ortopedista por formação e esteve à frente da Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande de 2005 a 2010.

Filiado ao DEM, Mandetta foi eleito deputado federal em 2010 e 2014. Nas eleições de 2018, Mandetta não concorreu as últimas eleições e desde a campanha presidencial de Jair Bolsonaro era apontado como o futuro chefe do Ministério da Saúde. Situação que se consolidou desde os primeiros anúncios de Bolsonaro sobre seu primeiro escalão. (MidiaMax)

Nenhum comentário:

Postar um comentário