sábado, 8 de agosto de 2020

Brasil já soma 100 mil vidas perdidas para a Covid-19, informa consórcio de veículos da imprensa em boletim extra

Menos de cinco meses após o primeiro óbito pelo novo coronavírus no Brasil, o país chegou à marca de 100 mil mortes pela Covid-19 na tarde deste sábado, indica boletim extraordinário do consórcio de veículos de imprensa. Os números são consolidados a partir das secretarias estaduais de Saúde. O total de vítimas fatais é de 100.240. A soma de infectados é de 2.988.796.

A iniciativa dos veículos da mídia foi criada a partir de inconsistências nos dados apresentados pelo Ministério da Saúde na gestão do interino Eduardo Pazuello. Em todo o mundo, apenas Brasil e Estados Unidos têm mortes na casa dos seis dígitos. O terceiro país com maior volume de óbitos na pandemia, o México, tem 51 mil mortes, segundo levantamento da Universidade Johns Hopkins (EUA). Já são mais de 722 mil vítimas da Covid-19 em todo o planeta.

Desde o levantamento fechado da última sexta-feira, às 20h, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, São Paulo, Rio Grande do Norte e Roraima atualizaram suas estatísticas. Até o momento, são 21.732 casos de Covid-19 notificados pelas secretarias estaduais de Saúde desde a noite de ontem, além de 538 novas vítimas fatais. (Jornal Extra)

Nenhum comentário:

Postar um comentário