quinta-feira, 20 de agosto de 2020

Frei Damião é declarado Patrono dos Romeiros e Romarias do Estado de Pernambuco

Título foi concedido através da lei nº 17.004, de autoria do deputado estadual e primeiro-secretário da Alepe, Clodoaldo Magalhães.

O capuchinho que é um grande símbolo de fé e cultura para o Nordeste, região onde se dedicou a evangelizar, agora é Patrono dos Romeiros e Romarias do Estado de Pernambuco. Frei Damião de Bozzano ganhou o título através da lei nº 17.004, de autoria do deputado estadual e primeiro-secretário da Alepe, Clodoaldo Magalhães (PSB), promulgada em 11 de agosto.

“Frei Damião de Bozzano dedicou-se às populações mais pobres. Escutava as dores e alegrias dos sertanejos, e passava esperança para esse povo.

As pessoas gostavam de tocá-lo, de chegar perto”, comentou o deputado Clodoaldo Magalhães.O frade capuchinho, natural de Bozzano, em Toscana, na Itália, ordenou-se sacerdote no ano de 1923. Em 1931, chegou ao Brasil, estabelecendo-se no município do Recife/PE, Convento Nossa Senhora da Penha, da Ordem dos Capuchinhos.

Conhecido como “Mensageiro de Deus”, Frei Damião andou mais de um milhão
de quilômetros pelo Nordeste. Durante 66 anos, a pé, a cavalo ou de carro, percorreu estados nordestinos como Pernambuco, Paraíba, Alagoas, Bahia e Ceará, nas Santas Missões, que eram cruzadas missionárias que duravam dias. Armava-se um palanque ao ar livre, com vários alto-falantes, e o Frei transmitia os seus sermões para uma multidão. “Nas Missões aconteciam milagres, tamanha era a fé do nordestino”, comentou Magalhães.

Com um santo terço e um crucifixo nas mãos, Frei Damião, incansavelmente, seguia suas caminhadas e romarias pelo interior de Pernambuco, acompanhado do amigo/irmão Frei Fernando. Faleceu em 31 de maio de 1997, no Real Hospital Português. Seu corpo encontra-se na Capela de Nossa Senhora das Graças, de quem era devoto, no Convento São Félix de Cantalice, bairro do Pina, Recife. Sua vida foi retratada pelo escritor Luís Cristóvão dos Santos - obra "Frei Damião - O Missionário dos Sertões". Recentemente, em 2019, foi homenageado com o filme Frei Damião - O Santo do Nordeste, de Deby Brennand.

Nenhum comentário:

Postar um comentário