sexta-feira, 4 de setembro de 2020

Bolsonaro diz que não consegue 'matar esse câncer' das ONGs ambientalistas

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quinta-feira que não consegue "matar esse câncer chamado ONG", após denunciar uma campanha internacional que o acusa de incendiar a Amazônia.

"Vocês sabem que ONG não tem vez comigo, não é? Boto pra quebrar com esse pessoal. Não consigo matar esse câncer chamado ONG", declarou Bolsonaro durante transmissão semanal ao vivo pelo Facebook.

O presidente também lamentou as críticas de ONGs ao programa Adote Um Parque, lançado pelo Ministério do Meio Ambiente, por meio do qual serão ofertados mais de 100 parques nacionais, que equivalem a cerca de 15% dos 4,2 milhões de km² da Amazônia brasileira, a empresas e fundos nacionais e estrangeiros interessados na sua preservação, a 10 euros por hectare: "Você pode criticar, até aqui no Brasil, você está em uma onguezinha aí pegando grana de fora."

Pouco antes, Bolsonaro afirmou que há uma campanha orquestrada por "canalhas" que o acusam de estar incendiando a Amazônia. O presidente é criticado dentro e fora do país por defender a abertura da Amazônia à exploração mineira, energética e agropecuária.

ONGs de defesa do meio ambiente atribuem a Bolsonaro a responsabilidade pelo aumento alarmante do número de incêndios registrado no ano passado, que segue quase no mesmo nível em 2020. Por AFP.

Nenhum comentário:

Postar um comentário