terça-feira, 24 de novembro de 2020

Geração de energia e sustentabilidade no Seminário de Energia Elétrica e Recursos Hídricos

Problemas com o fornecimento de energia elétrica no País, como aconteceu no Amapá recentemente, vem acendendo a luz de alerta para a necessidade de diversificação da matriz energética. É que as hidrelétricas ainda são as principais responsáveis pelo abastecimento elétrico no Brasil. Esse e assuntos como a utilização de fontes mais sustentáveis e renováveis e o uso de novas tecnologias no sistema interligado nacional serão debatidos na 6ª edição do Seminário de Energia Elétrica e Recursos Hídricos, que será realizado, on-line, no dia 26 de novembro, entre 19h e 21h. As inscrições podem ser feitas no site ielpe.org.br.  

“Num ano em que as crises sanitária e econômica ganharam protagonismo, ficou ainda mais evidente a necessidade de contar com um sistema elétrico que atenda plenamente a infraestrutura demandada pela população. Sem falar que a energia elétrica é insumo fundamental e estratégico para o setor industrial, pois garante competitividade e produção em larga escala”, destacou o presidente do Conselho Temático de Meio Ambiente (Contema) da FIEPE, Anísio Bezerra Coelho.  

Entre os convidados a participarem do encontro, estão João Henrique Franklin Neto, diretor de Operação da Chesf, e Carlos Eduardo Ferreira Soares, superintendente Corporativo de Desenvolvimento e Aplicação na Neonergia, que vão falar sobre Inovação em Energia e Recursos Hídricos.  Marcelo Rodrigues, vice-presidente executivo da Golar Power, também está no time de palestrantes e vai conversar sobre o projeto de integração do Gás Natural Liquefeito (GNL) em Pernambuco, enquanto que Arnolfo Menezes, diretor de Sustentabilidade e Metais do Grupo Moura, apresentará o Programa Moura de Eficiência Energética.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário