sábado, 12 de dezembro de 2020

Justiça arquiva ação contra Lula por tráfico de influência e lavagem de dinheiro

A Justiça de São Paulo arquivou ação penal que investigava o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por lavagem de dinheiro e tráfico de influência –quando uma pessoa se beneficia por ocupar uma posição privilegiada em uma empresa ou órgão. O filho do petista, Luís Cláudio, também era parte da investigação.

O juiz Diego Paes Moreira, da 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo,  argumentou que não foram apresentados indícios suficientes dos crimes imputados ao petista ao filho.

A decisão seguiu manifestação do MPF (Ministério Público Federal), que pediu o arquivamento do caso. Segundo a Procuradoria, os fatos são “reprováveis do ponto de vista ético”, mas o caso “não é suficiente para a configuração penal”.

O ex-presidente e Luís Cláudio foram indiciados em março de 2019 por lavagem de dinheiro e tráfico de influência por supostos pagamentos, em 2011, da Odebrecht à Touchdown, empresa esportista do filho de Lula. Matéria na íntegra aqui no Poder360

Nenhum comentário:

Postar um comentário