Prefeito Djalma Alves entrega VAN Executiva de Primeira Classe a população de Solidão


O prefeito Djalma Alves, entregou na tarde desta sexta-feira (23/08/19) a população de Solidão, no Sertão do Alto Pajeú, Interior de Pernambuco, uma VAN Executiva de Primeira Classe, com 16 lugares para Tratamento Fora de Domicílio (TFD), através de emenda parlamentar do gabinete do deputado estadual, Clodoaldo Magalhães que participou do ato solene.


Em seu discurso Djalma falou da importância do veículo para atender a demanda em Solidão. “A entrega desse veículo, agradeço muito a Deus por isso, agradeço especialmente ao deputado Clodoaldo Magalhães, que está sempre presente em Solidão, e principalmente em momentos difíceis como este, para fazer a entrega de um carro esse porte, é um carro executivo, de primeira linha, é o top da Renault. Esse veículo custou R$ 175 mil reais, sendo que R$ 150 mil reais foi da emenda estadual do deputado Clodoaldo, e R$ 25 mil reais de contrapartida da prefeitura”, disse Djalma.


Deputado Clodoaldo Magalhães falou dos esforços e das reivindicações feitas por Djalma para implantar ações em Solidão. “A população de Solidão já vive o progresso desde que Djalma foi eleito, lembramos dos esforços com o governador para desburocratizar os recursos das escadarias, inaugurar calçamentos através do FEM, para inaugurar abastecimento de água, inclusive estivemos aqui em dois momentos para inaugurar sistemas de abastecimento d’água, um com a presença do governador, outra ambulância que entregamos com emenda parlamentar nossa, e esse carro do TFD que chega para atender os solidanenses”, falou o deputado.


A secretaria de saúde, Damiana Alves agradeceu e falou do empenho de Djalma. “Quero agradecer por essa conquista, agradeço pelo empenho do nosso prefeito Djalma, ao nosso deputado que atendeu ao pedido do nosso gestor que sempre estar em busca de melhores condições de vida para o nosso povo. Esse carro é de grande benefício para a nossa população que precisam se deslocar para a capital pernambucana para fazer tratamento”, finalizou a secretária.


Falando em nome dos motoristas, Agrineli agradeceu a ação. “Esse veículo chegou em uma boa hora para atender a todos que precisam se deslocar em carro a altura deles por essas estradas aí. Prefeito são pessoas sofredoras e debilitadas, você não sabe o bem que estão fazendo. Lembro-me de algumas coisas que você me disse, uma delas falou que estava com o coração cheio de alegria por que hoje estou entregando o que o povo de Solidão merece, e esse veículo é executivo, é o melhor na categoria. Muito obrigado Djalma, obrigado deputado Clodoaldo, e que venha mais obras e mais conquistas para o povo de Solidão que merece”, disse Agrineli.

O evento teve início por volta das 17hs com concentração em frente à residência do gestor, onde na oportunidade todos aguardavam a presença do deputado Clodoaldo Magalhães. Com a chegada do parlamentar, se iniciou um desfile pela principal avenida de Solidão, com a VAN TFD, a ambulância de grande porte e ambulância menor, que foram adquiridas recentemente para o município.

Já na praça José Barros Sobrinho (Praça de Alimentação), aconteceu a benção do veículo pelo padre Américo, e em seguida, aconteceu o corte da fita pelas as autoridades presentes no ato solene, que contou com a presença de uma multidão no local.

A solenidade contou com as presenças, além dos já citados, Djalma Alves, chefe do executivo, do parlamentar Clodoaldo Magalhães, também participaram a primeira dama Irene Espinhara, o vice Zé Nogueira, os vereadores Genivaldo Barros, Adriana de Lima e Neta Riqueta e demais autoridades. Equipe de Governo e a população em geral.



Carnaíba realizou a III Conferência Municipal de Políticas Públicas para Mulheres


Com o tema “Mulher e democracia: uma agenda de luta por direitos iguais” a Diretoria da Mulher do Governo Municipal de Carnaíba realizou na manhã desta 6ª feira (23) a III Conferência Municipal de Políticas Públicas para Mulheres no Teatro José Fernandes de Andrade. O evento contou com participações de representantes do governo municipal, 23º BPM, Delegacia da Mulher, Polícia Civil, estudantes e sociedade civil.


A Coordenadora Regional do Sertão do Pajeú da Secretaria da Mulher do Estado, Marília Correia, ressaltou a importância da participação da juventude num evento deste porte e o papel da educação na formação de políticas para as mulheres.

Marília ainda criticou a falta de apoio do governo federal em políticas para mulheres, mas disse que apesar disso o movimento vai continuar firme e forte na região e em todo Nordeste.


Segundo Edjanilda Lúcia, Diretora da Mulher em Carnaíba, foi muito importante a participação de todos num evento como este. “Esta não é uma luta só do município, mas do estado e de todas as mulheres nordestinas e guerreiras que não desistem fácil da luta pelos direitos”, disse Edjanilda.


Representando o Prefeito Anchieta Patriota o vice, Júnior de Mocinha destacou as conquistas obtidas pelas mulheres na gestão municipal. “A realização desta Conferência é de grande importância, o nosso governo é composto em sua maioria por mulheres que ajudam a construir uma Carnaíba cada vez melhor”, disse Júnior. Texto: Aldo Vidal - Fotos: Ivonaldo Filho



Prefeitura de Flores intensifica os trabalhos de serviços públicos


A Prefeitura Municipal de Flores segue com um intenso e extenso leque de trabalhos e ações efetuados em saneamento, mobilidade e acessibilidade de qualidade para os munícipes da Zona Rural e Urbana, através de pavimentação de ruas e requalificação de estradas vicinais e manutenção do pavimento em paralelepípedo em diversos pontos da cidade. 

A Gestão do Município trabalha recuperando e fazendo manutenção nas estradas rurais que cortam distritos e povoados, manutenção e serviços de conservação e troca de encanamentos em diversas ruas da Sede, além de ações na área do serviço público voltadas à questão de limpeza Urbana.

Vale destacar também as obras de saneamento básico e pavimentação da Rua Helena Batista que já está em andamento.

Para o Prefeito Marconi Santana "O compromisso de zelar e cuidar da nossa cidade só aumenta, e nossa equipe é movida por este sentimento. Dia a dia vamos cuidando de nossa Flores, garantindo que cada lugar esteja em perfeito estado de conservação", pontuou Marconi.

Acessibilidade é tema de curso gratuito em Triunfo


A cidade de Triunfo, no Sertão pernambucano, vai receber o curso gratuito Exposições Acessíveis para Pessoas com Deficiência. Oferecido com o incentivo do Funcultura, o curso é destinado a pessoas que trabalham na área de artes visuais, como curadores, gestores de instituições culturais, museólogos, produtores culturais, arte-educadores e técnicos das áreas de expografia. Serão disponibilizadas 20 vagas. A intenção é capacitar os profissionais da cultura no planejamento e na execução de exposições acessíveis a todos os públicos. As inscrições vão até o dia 31 de agosto pelo site www.arkhecultural.com.br. As aulas serão de 16 a 20 de setembro, na Fábrica de Criação Popular. O curso também será oferecido no Recife, em Caruaru e em Nazaré da Mata.

O conteúdo das aulas abrange desde a legislação de referência na área, os processos de inclusão social nos museus e instituições culturais, os diversos tipos de acessibilidade, os dispositivos utilizados, como aplicativos, legendas, maquetes táteis, até a mediação sociocultural das pessoas com deficiência. As aulas serão ministradas por três formadores: Fernanda Araújo, psicóloga, Doutora em Educação pela UFPE, com pesquisas na área de Educação Inclusiva; Artur Mendonça, professor do Instituto de Cegos do Recife, especialista em acessibilidade e inclusão de pessoas com deficiência; e Everson Melquíades, pedagogo, Doutor em Educação e professor da UFPE.

De acordo com a legislação, a acessibilidade precisa ser irrestrita. Isso quer dizer que a visita acessível a uma exposição não pode ser limitada a dias ou horários específicos, restritos. “Se você vai a uma peça de teatro, por exemplo, o ideal é que todas as sessões sejam acessíveis”, explica Artur Mendonça. Para o professor, na área de artes visuais, um dos exemplos positivos recentes é a Fenearte, realizada no último mês de julho. Além de conscientizar os profissionais da cultura sobre a acessibilidade plena, o professor explica que é preciso desmistificar as supostas dificuldades para possibilitar a acessibilidade, relacionadas, principalmente, aos custos financeiros. “O preço da exclusão é muito maior. A tecnologia facilitou bastante a vida das pessoas com deficiência, hoje temos muitos recursos disponíveis, mas é preciso que o produtor cultural esteja disposto a pensar nisso desde a concepção do projeto da exposição”, defende. Outras informações sobre o curso estão disponíveis no sitewww.arkhecultural.com.br.

SES-PE capacita profissionais sobre atenção à população vítima de violência

Atenta às especificidades de cada público, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) promoverá, na próxima segunda-feira (26.08), capacitação de profissionais de saúde com o intuito de qualificar a atenção aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) em Pernambuco, com foco, principalmente, no público feminino e populações vulneráveis. O tema do evento é 'Atenção às Pessoas em Situação de Violência' e será realizado das 13h às 17h no auditório da sede da SES, no bairro do Bongi, no Recife, com transmissão para todas as sedes das 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres), espalhadas por todas as regiões do Estado, da Zona da Mata ao Sertão. Os interessados em participar podem se inscrever a partir do link https://bit.ly/2TOpdPp. A inscrição é gratuita.

Durante o evento, será abordado o acolhimento de urgência e emergência da população em situação de violência, incluso nas tentativas de suicídio. Também será reforçada a importância da identificação do tipo de violência para que seja iniciado o protocolo correto de atendimento, além da obrigatoriedade da notificação do caso. "A emergência é a porta de entrada para a maioria desses casos. Por isso, os profissionais envolvidos diretamente nesse atendimento, desde o recepcionista até o médico de plantão, precisam estar capacitados para acolher esse paciente de forma humanizada. É preciso que esse profissional tenha um olhar diferenciado para o atendimento desses casos, atentando para a privacidade da vítima e a melhor conduta terapêutica", destaca a gerente de Atenção à Saúde da Mulher da SES-PE, Letícia Katz. 

Nos casos de violência, seja física ou sexual, e tentativas de suicídio, é importante que o profissional busque maneiras de evitar violências recorrentes, tratando os danos causados e avalie as necessidades psicossociais e educacionais desse indivíduo, além de esclarecer as dúvidas do paciente e fazer os devidos encaminhamentos multiprofissionais.

Cidades brasileiras registram panelaço durante pronunciamento de Bolsonaro sobre queimadas na Amazônia

Foto Internet
Cidades brasileiras registraram panelaços na noite desta sexta-feira (23) durante pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre as queimadas na Amazônia. Ele falou em rede nacional de rádio e TV, (clique aqui para assistir e ler a íntegra do discurso).

O pronunciamento foi motivado pelas queimadas na Amazônia, que ganharam repercussão internacional, com protestos e manifestações de líderes mundiais. Na declaração desta sexta, Bolsonaro disse ainda que incêndios não justificam eventuais sanções de outros países.

Ele atribuiu às condições climáticas a ocorrência das queimadas e ofereceu ajuda aos governos estaduais da Amazônia Legal que solicitarem o emprego das Forças Armadas. Mais cedo, Bolsonaro havia assinado um decreto para autorizar o uso das Forças no combate aos incêndios. Fonte: G1

Solidão realizou 2ª Conferência de Políticas para Mulheres


Aconteceu na manhã dessa quinta-feira (22/08/19) na cidade de Solidão, no Sertão do Pajeú, a 2ª Conferência de Políticas para Mulheres, através da Coordenadoria da Mulher de Solidão, e o evento aconteceu na sede do CRAS, na Rua Luiz Elizeu de Lima, Centro.

A Conferência contou com as presenças do Prefeito Djalma Alves, da Secretaria Estadual de Políticas Públicas para as Mulheres, Marília Correia, Vereadora Adriana Silva, Secretária de Saúde, Damiana Alves, Secretaria de Assistência Social, Silvia Almeida e demais autoridades.

O objetivo do encontro é buscar soluções, discutir alternativas, eixos temáticos para que as mulheres possam ter seus direitos iguais, e o acontecimento foi propício para que cada uma pudesse expor suas ideias.

Fotos de Erika

Macron e primeiro-ministro da Irlanda ameaçam se opor a acordo entre Mercosul e UE



Durante o encontro do G20, o presidente francês acusou Bolsonaro de mentir sobre a disparada de desmatamento na floresta amazônica. Por causa disso, o governo francês se opõe ao acordo comercial entre europeus e sul-americanos, alegando que o governo brasileiro é negligente com as questões de mudanças climáticas. Já o primeiro-ministro irlandês, Leo Varadkar, ameaçou votar contra o Brasil no acordo caso a gestão Bolsonaro não honre seus compromissos ambientais. Finlândia afirmou, agora há pouco, que pretende encontrar uma forma de fazer o bloco banir a importação de carne brasileira por causa da devastação causada por incêndios na Amazônia. Fonte: CBN

Atos em defesa da Amazônia devem ocorrer em várias cidades do Brasil


JC Online e AFP

Além de críticas ao governo federal, os incêndios florestais que atingem a região amazônicaestimularam a organização de protestos em diversas cidades do Brasil e de outros países entre esta sexta-feira (23) e o dia 31 de agosto. No Recife, o ato em defesa da Amazônia está marcado para o sábado (24), na Rua da Aurora, às 14h.

A lista contendo os locais das manifestações está sendo divulgada nas redes sociais pelo movimento 342Amazônia.

Veja os locais dos atos
23/8

Atlanta/SC
9h — Colégio Dr. Frederico Rolla

Madrid / Espanha
12h — Embaixada do Brasil

Guate / Guatemala
12h30 — Embaixada do Brasil

Kempten / Alemanha
13h — St. George´s Hall

Salvador/BA
14h — Elevador Lacerda

Veja mais localidades onde vão acontecer as mobilizações

STF forma maioria contra redução de salário de servidor público


Estadão Conteúdo

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria nesta quinta-feira (22) para impedir que Estados e municípios endividados reduzam o salário de servidores públicos como forma de ajuste das contas públicas. A discussão, que dividiu a Corte, foi um dos pontos mais polêmicos no julgamento sobre a Lei da Responsabilidade Fiscal (LRF), sancionada pelo então presidente Fernando Henrique Cardoso em 2000. O julgamento foi suspenso e os ministros ainda podem mudar os votos.

Além de Fux e Marco Aurélio, se manifestaram contra a possibilidade de redução de salário dos servidores públicos os ministros Edson Fachin, Rosa Weber, Ricardo Lewandowski e Cármen Lúcia.

Um dos artigos da LRF - que permite reduzir jornada de trabalho e salário de servidores caso o limite de gasto com pessoal de 60% da Receita Corrente Líquida (RCL) seja atingido - foi suspenso de forma unânime pelo STF em 2002. Agora, o Supremo analisou definitivamente o mérito da questão.

Veja matéria na íntegra aqui!

Ibama vai contratar empresa que monitore desmatamento na Amazônia


Agência Brasil

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) publicou edital no Diário Oficial da União dessa quarta-feira (21) chamamento público de empresas especializadas no fornecimento diário por imagens de satélites de alta resolução espacial para geração de alertas diários de indícios de desmatamento.

O documento, assinado pelo diretor de Proteção Ambiental do Ibama, Olivaldi Alves Borges de Azevedo, diz que a medida justifica-se pela “busca de uma solução viável e operacional para atuação mais eficiente, eficaz, efetiva e com maior celeridade na gestão das ações de fiscalização ambiental no combate ao desmatamento ilegal e exploração florestal seletiva ilegal na região Amazônica”.

O texto do edital diz ainda que o Ibama, por mor meio de sua Diretoria de Proteção (Dipro), objetiva combater o desmatamento ilegal na Amazônia Legal de forma preventiva ou, no mínimo, contemporânea, para que seja possível interromper a ação criminosa, viabilizando uma atuação mais expedita e não permitindo a evolução e consolidação da ocorrência do ilícito.

Nesse sentido, segundo o instituto, faz-se necessário obter alertas de desmatamento diários das áreas mais críticas na Amazônia, em uma área pré-determinada de aproximadamente de 1 milhão de quilômetros quadrados, distribuídos a leste dos estados do Acre e Rondônia, norte de Rondônia e Mato Grosso, sul do estado do Amazonas e meio norte do estado do Pará.

Queimadas

Nesta quinta (22), Bolsonaro voltou a dizer que as queimadas na Amazônia são criminosas e que organizações não governamentais (ONGs) podem estar por trás dos incêndios. “Pode ser fazendeiro, pode, todo mundo é suspeito, mas a maior suspeita vem de ONGs”, disse, ao deixar o Palácio da Alvorada na manhã desta quinta-feira.

O presidente ressaltou que o governo está investigando o crime, mas que não existem provas de quem está provocando as queimadas. “A Amazônia é maior do que a Europa, como vai combater incêndio criminosos nessa área? E é criminoso, mas você não vai pegar quem está tacando fogo lá, só se for em flagrante”, disse. “É um indício fortíssimo de que são ONGs. Não se tem prova disso, se vocês não pegar em flagrante quem está queimando e buscar quem mandou”, acrescentou.

Univasf é 1ª universidade a se posicionar contra o Future-se em Pernambuco


Cidades/Jc Online

A Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), com sede em Petrolina, no Sertão pernambucano, foi a primeira universidade do Estado a se posicionar contra o Future-se, programa lançado pelo Ministério da Educação que visa maior autonomia financeira das Instituições Federais (IFs) de ensino por meio de captação de recursos próprios. A Univasf alega que o programa não cita, nos termos da minuta do Projeto de Lei, garantia de um piso de financiamento para as universidades públicas e ainda representaria ameaça à autonomia constitucional universitária. 

A rejeição aos termos do programa partiu do Conselho Universitário (Conuni), que aprovou a Carta de Recusa à minuta no último dia 9. Segundo o vice-reitor da Universidade, Telio Nobre, o Future-se compromete a autonomia financeira e educacional das instituições. “As definições e as consequências muitas vezes não estão claras. O que entende-se é que as universidades abririam mão do direcionamento das atividades para deixar a cargo das entidades privadas. Para nós, cabe a cada instituição definir seu modelo de governança, não ao MEC. Se aceitasse, a Univasf entraria com seu patrimônio, seu corpo de pesquisadores, estrutura de servidores e tudo o que a integra para captar recursos externos que nem sabemos como seriam geridos porque dependeriam de ente externo que teria seus próprios interesses”, explica o gestor.

Outro ponto levantado foi a falta de aprofundamento no que diz respeito às responsabilidades do governo com o financeamento das IFs. “Cabe ao Estado brasileiro garantir financiamento adequado. Nesse momento, com recursos contingenciados, a gente tem que procurar novos recursos? Vai ter troca gradual e o Estado vai começar a se desobrigar? A preocupação é que seja início de um processo de afastamento do dever de financiar a educação superior federal. A gente entende como um programa de caráter muito econômico e pouco educacional”

O Future-se prevê autonomia administrativa, financeira e de gestão das universidades a partir de parcerias com organizações sociais (OS) de caráter privado que tenham atividades voltadas ao ensino, desenvolvimento tecnológico, cultura e pesquisa científica. As instituições poderão ter acesso a cerca de R$ 100 bilhões, que virão “do patrimônio da União, de fundos constitucionais, de leis de incentivos fiscais e depósitos à vista, de recursos da cultura e de fundos patrimoniais”, segundo anúncio do MEC, e seriam geridos pelas OS. 

Veja matéria completa aqui!

Queimadas na Floresta Amazônica podem ser vistas do espaço, mostra Nasa


As fortes queimadas que atingem a Floresta Amazônica desde o mês de julho podem ser vistas do espaço, de acordo com fotos do salétie Aqua, da Nasa. No Twitter, a agência espacial americana alerta que o número de queimadas no Brasil pode ser o recorde. 

Segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), entre janeiro e agosto deste ano, as queimadas aumentaram 83% em relação ao mesmo período do ano passado - o que representa o maior número registrado nos últimos sete anos, com 72.843 pontos de incêndios.

Nesta quinta-feira, o presidente Jair Bolsonaro voltou a dizer que as ONGs eram suspeitas de estarem por trás do crime ambiental na Floresta Amazônica. 'É, no meu entender, um indício fortíssimo que esse pessoal da ONG perdeu a teta deles. É simples', reagiu. O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, segue a mesma linha do presidente. Denunciado por ser omisso, ele falou que teria disponibilizado equipes para acompanhar os incêndios. No entanto, chamou o alerta mundial de 'sencionalismo irresponsável'. 

Respondendo aos ataques sem provas do presidente, a coordenação do Observatório do Clima, coalizão de cerca de 50 ONGs do País em prol de ações contra as mudanças climáticas,  disse que o "recorde de queimadas reflete irresponsabilidade de Bolsonaro". Em outra carta, um grupo de 81 ONGs afirmou que "Bolsonaro não precisa de ONGs para queimar a imagem do Brasil no mundo inteiro". Foi o que informou o Diário de Pernambuco.

CNPq suspende 24 bolsas de iniciação científica da UFPE


O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), órgão ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações para incentivo à pesquisa no Brasil, suspendeu 24 bolsas de iniciação científica da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). As bolsas suspensas atingiram os três programas institucionais associados à iniciação científica.

Oito bolsas estão ligadas ao Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic), sete do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (Pibiti) e nove do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica Para o Ensino Médio (Pibic-EM).

Segundo a Pró-Reitoria para Assuntos de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesq), a suspensão, que atingiu todas as instituições de ensino e pesquisa que realizam iniciação científica em associação com o CNPq, ocorreu no dia 15 deste mês, ou seja, dentro do prazo de que as instituições dispunham para cadastrar os novos bolsistas.

De acordo com nota divulgada pelo CNPq, a suspensão ocorreu pela falta de recursos orçamentários para manutenção do total de bolsas de iniciação científica destinadas aos alunos vinculados aos programas. Até o presente, não existem informações acerca da manutenção das bolsas do CNPq nos meses seguintes, de acordo com a UFPE.

Pesquisa mostra Bolsonaro como o terceiro líder mais mal avaliado da América Latina


O presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, é o terceiro líder mais mal avaliado da América Latina, atrás apenas dos dirigentes de Cuba e Venezuela, segundo pesquisa realizada em 14 países da região.

Os dados são do instituto Ipsos, que entrevistou 403 pessoas. O levantamento foi realizado entre os dias 27 de junho e 24 de julho deste ano. Foram ouvidos formadores de opinião e jornalistas reconhecidos de meios de comunicação latino-americanos.

O ditador venezuelano, Nicolás Maduro, registra a menor taxa de aprovação da região, com apenas 3% de apoio, enquanto Miguel Díaz-Canel, líder da ditadura cubana, aparece com 18%. Apesar de comandarem regimes autoritários, os dois oficialmente possuem o título de presidente.

Bolsonaro aparece como o terceiro com menor aprovação, com 29% -entre as democracias, ele é o mais mal avaliado.

No total, foram avaliados os líderes de 12 países: Brasil, Venezuela, Bolívia, Uruguai, Argentina, Equador, Chile, Peru, Colômbia, Cuba, México e Panamá.

O Chile tem o presidente com maior aprovação, Sebastian Piñera, que aparece com 68% na pesquisa. Em segundo lugar está Tabaré Vásquez, presidente do Uruguai, com 65%.
Na edição de 2018 da pesquisa, os dois já eram os mais bem colocados, mas apareciam em ordem invertida. Com 53% de aprovação, Iván Duque, presidente da Colômbia, é o terceiro colocado.

De novembro de 2018, quando foi divulgada a última edição do levantamento, para cá, a imagem do presidente Jair Bolsonaro melhorou. Sua aprovação era de 25%, quatro pontos abaixo do dado atual.

Se apenas 21% dos brasileiros avaliam Bolsonaro positivamente, é na Bolívia que o presidente brasileiro encontra sua maior taxa de aprovação: 44% dos entrevistados disseram apoiá-lo de maneira absoluta ou parcial.

Já entre os colombianos, 85% o desaprovam completamente ou parcialmente, o que faz da Colômbia o país com pior taxa de aprovação para o presidente brasileiro.

O instituto Ipsos, que realiza estudos de mercado em mais de 90 países, destaca que os resultados apresentados não são representativos das sociedades latino-americanas. Seu objetivo é expor a opinião de cidadãos considerados mais informados e influentes para a opinião pública. Por Redação Portal T5

Prefeito Djalma Alves entregará uma VAN TFD a população de Solidão nesta sexta (23)


O prefeito Djalma Alves, entregará na tarde desta sexta-feira (23/08/19) em solenidade a 
população de Solidão, no Sertão do Alto Pajeú, Interior de Pernambuco, uma VAN Executiva de Primeira Classe, com 16 lugares para Tratamento Fora de Domicílio (TFD), através de emenda parlamentar do gabinete do deputado estadual, Clodoaldo Magalhães que estará presente no ato solene.

De acordo com informações repassadas à nossa redação, o evento acontecerá às 17hs, na Praça José Barros Sobrinho (Praça de alimentação) que fica localizada no centro de Solidão. Além das presenças do chefe do executivo e do parlamentar, estarão presentes demais autoridades da localidade, secretários, diretores, equipe de governo, vereadores e a população em geral.

Além do veículo TFD, Clodoaldo Magalhães entregou recentemente uma ambulância e participou da inauguração do sistema de abastecimento d’água no sítio Barra, que fica na zona rural do município.

'Animais carbonizados e silêncio no lugar do verde e som de pássaros': biólogo descreve cenário apocalíptico após queimadas


O biólogo Izar Aximoff estudou a recomposição de florestas no Rio de Janeiro após queimadas. Testemunhou áreas verdes se transformarem em pó preto e o rico som das florestas, em silêncio.

"É muito triste ver a floresta totalmente dizimada. Aquele cenário colorido, com flores, sons de animais, pássaros cantando, bichos se movimentando e cheiro de mata dá lugar ao silêncio, a animais carbonizados, a um cheiro de carne queimada, à desolação. Fica tudo preto e você fica sujo com aquele resíduo de carvão", descreve o biólogo, lembrando-se do que viu quando uma área que monitorava em seus estudos voltou a sofrer queimadas.

Após o quadro de destruição, novos desafios surgem no reflorestamento, explica o biólogo, que é doutor em Botânica pelo Instituto de Pesquisas do Jardim Botânico do Rio de Janeiro (JBRJ).

"Espécies ameaçadas acabam não voltando. A cada queimada, a diversidade é perdida", disse.

"E muitas áreas de Mata Atlântica, por exemplo, não conseguem se regenerar sozinhas. É preciso um reforço. Temos as melhores cabeças do mundo na área de reflorestamento, mas a demanda é grande demais", diz o biólogo, lembrando que a situação é também grave em áreas que ganham menos holofotes como o Cerrado e a Caatinga.

A mesma falta de recursos impede um planejamento mais eficaz na prevenção de novas queimadas. O biólogo diz que, no nível federal, o acompanhamento dos incidentes é melhor do que no estadual e municipal.

"A prevenção é muito mais barata. Mas não há planejamento também por falta de dados. Os gastos após os incêndios são muito maiores. Você tem uso de aeronaves, equipes, sem contar o risco de morte a que esses profissionais estão expostos", acrescentou. Por BBC/G1

Congresso de vereadores começa hoje em Triunfo


A União de Vereadores de Pernambuco – UVP chega ao sertão pernambucano para realizar, na cidade de Triunfo, de hoje dia 22 até o domingo 25 de agosto, o Congresso de Vereadores.

O evento apresentará debates sobre “A participação da Mulher na Política”, “Articulação Política versus Nova Política”, “A PEC das Emendas Impositivas e o FEM em Pernambuco”, “Novas regras para as Eleições 2020”, “Digitalização e Virtualização no Setor Público” e ainda “A Harmonia e Independência entre os poderes Legislativo e Executivo”.

O Congresso será realizado no auditório do Hotel Sesc Triunfo. A informação é do Blog de Nill Júnior.

Ação Cinema no Campo foi realizada em Santa Cruz da Baixa Verde


O projeto "Cinema no Campo", em execução no município de Santa Cruz da Baixa Verde, com o apoio da Gerência Regional do IPA de Serra Talhada tem como objetivo exibir vídeos (filmes, documentários, reportagens) a partir da realidade da agricultura familiar no contexto do semiárido, seguidos por debate sobre os respectivos temas junto às/aos agricultoras/es familiares, nas comunidades inseridas no Plano de Ação Municipal (PAM) do IPA.

Ontem, dia 21 de agosto, o "Cinema no Campo" foi conduzido pelo extensionista Gerlúcio Moura no sítio Lagoa do Almeida, com as agricultoras da Associação Municipal Mulher Flor do Campo. Os vídeos exibidos e debatidos foram sobre produção de artesanato com pele da tilápia pelo grupo de mulheres de Petrolândia-PE; e experiência exitosa de uma família serra-talhadense beneficiária do Plano Brasil Sem Miséria.

Além de proporcionar um espaço e momento de descontração promovido pela "tela" do cinema, ainda há o lado educativo da iniciativa, uma vez que já foram exibidos vídeos sobre as ações de Ater, Agroecologia, crédito rural, gênero, políticas públicas, atividades não agrícolas.

Na atividade estiveram presentes 30 pessoas, entre agricultoras e seus filhos (crianças), estagiárias/os da Unidade Acadêmica de Serra Talhada - UFRPE.

Em entrevista a Aldo Vidal na Pajeú, João Campos se diz contra privatizações e anuncia participação popular no uso de emendas


O deputado federal João Campos (PSB), falou na manhã desta quinta-feira (22), por telefone, ao comunicador Aldo Vidal, durante o programa Manhã Total da Rádio Pajeú FM, sobre o espaço que será aberto aos pernambucanos para que possam opinar sobre onde o deputado deve aplicar parte significativa das emendas parlamentares que tem direito.

O anúncio será feito durante ‘live’, em sua página no Instagram, às 12h30 de hoje. A Pajeú, o deputado adiantou que a população poderá opinar através de um site que será lançado na ocasião.

“Todo parlamentar tem direito a 15 milhões do orçamento da União. Estaremos disponibilizando 5 milhões para o povo decidir onde serão gastos”, explicou.

O deputado pessebista também falou, ao ser provocado, do pacote de privatizações, anunciadas pelo Governo Federal, na noite de ontem.

Ele disse achar as privatizações “muito perigosas” e vê com desconfiança a vontade do Governo Federal em “privatizar tudo que é possível”. “Tem áreas estratégicas do país, que não podem ser pensadas em privatizar. Você privatizar, por exemplo, todo controle da geração e distribuição de energia do país… você está falando em colocar em risco a própria soberania nacional”, afirmou o parlamentar.

“Acho que a gente tem que acompanhar, sabendo que tem casos que são mais graves e esses a gente tem que acompanhar ainda mais de perto” disse.

João Campos disse estar preocupado e que o seu papel como oposição é a de se posicionar contra. Por André Luis

Polícia apreende droga e celulares dentro do Presídio de Arcoverde

Foto Internet

Na tarde da quarta-feira (21) policiais encontraram um pacote com droga e celulares dentro do Presídio de Arcoverde, no Sertão de Pernambuco.

Segundo a Polícia Militar, os guardas do presídio informaram que uma pessoa não identificada jogou o pacote pelo muro do local, mas o material foi interceptado antes.

Ainda de acordo com a PM, dentro do pacote foram encontrados cinco celulares, três carregadores, um fone de ouvido e 154 g de maconha. Os materiais apreendidos foram entregues para a Polícia Civil para o caso ser investigado. Fonte: G1

Nas redes sociais, manifestantes organizam protestos pela Amazônia neste sábado


Em um movimento iniciado pelo Twitter, usuários das redes sociais planejam protestos, neste sábado (24), pela defesa da Amazônia. Os atos acontecerão em diversas capitais do pais e Recife é uma delas. Com concentração marcada para as 14h, os manifestantes devem ocupar a Avenida Conde da Boa Vista, na área central da cidade. 

Os participantes, além de faixas e cartazes, devem levar às ruas mudas de plantas e sacos plásticos, com o objetivo de recolher o lixo encontrado na via. 

O protesto é uma resposta às recentes notícias sobre desmatamento e queimadas na floresta que produz 20% do oxigênio do planeta. Na última sexta-feira (16), por exemplo, o estado do Amazonas declarou situação de alerta ambiental. Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o desmatamento da região cresceu 278% em julho, em relação ao mesmo mês, no ano passado.

Confira outras capitais que participarão do movimento: 

Brasília
Horário: 16:00
Local: Congresso Nacional

São Paulo
Horário: 14:00
Local: Avenida Paulista

Rio de Janeiro
Horário: 16:00 
Local: Av. Presidente Vargas, Centro

Belo Horizonte
Horário: 10:00
Local: Praça do Papa

Rondônia
Horário: 15:00 
Local: Praças Públicas

É o que informa o Diário de Pernambuco.

Clodoaldo Magalhães intercede por recuperação de rodovias junto ao governo do Estado


O Deputado Estadual Clodoaldo Magalhães intercedeu diante do governador Paulo Câmara e da Secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos do estado, Fernandha Batista, pela recuperação das rodovias que passam por Pernambuco. 

O parlamentar representa diante do Estado os municípios nos quais foi majoritário, sendo legitimado a interceder pelos mesmos, recebendo assim garantia do governador de que as rodovias estaduais (PEs), que cruzam estas cidades, serão contempladas pelo plano de conservação. 

O programa Caminhos de Pernambuco tem investimento de R$ 505 milhões e pretende realizar obras em 5.554 quilômetros de estradas, em 364 rodovias, até 2022, cumprindo um calendário de ações estabelecido pela Diretoria de Operações responsável por cada distrito.

Efeito Bolsonaro: Surto de sarampo se espalha pelo país


O sucateamento do sistema público de Saúde, desde do golpe de 2016 contra a presidente Dilma Rousseff, fez disparar os casos de sarampo no país. Na última semana, subiu de 4 para 11 o número de estados que enfrentam o surto da doença. Em três meses, foram confirmadas 1.680 infecções. A maior parte dos registros de sarampo está localizada em São Paulo. O estado já confirmou 1.662 casos da doenças.

O Ministério da Saúde expandiu a recomendação da vacina a todos os bebês do Brasil de 6 meses a um ano. Batizada de dose zero, essa aplicação não dispensa as vacinas regulares, aplicadas aos 12 e 15 meses. Essa seria uma dose para dar uma proteção adicional.

O secretário de Vigilância em Saúde do Ministério, Wanderson Kleber de Oliveira, não descarta que novas medidas sejam adotadas.

Entre as medidas estudadas, está a chamada vacinação de resgate, dirigida para adultos jovens. O problema, contudo, esbarra nos estoques escassos do imunizante, informa o site UOL.

Gisele Bündchen, Di Caprio, Anitta e outros famosos contra as queimadas


Gisele Bündchen, Leonardo Di Caprio, Demi Lovato, Ariana Grande e Anitta são algumas das celebridades que se manifestaram nesta quarta-feira (21) contra a onda de queimadas na floresta tropical amazônica. Os incêndios na floresta amazônica e no cerrado do centro-oeste dispararam nos oito meses do governo Bolsonaro.

“Somente quando a última árvore for cortada, o último rio poluído, e o último peixe pescado, as pessoas irão entender que não podemos comer dinheiro”, escreveu Gisele. A frase é um proverbio indígena e foi publicada pela modelo acompanhada de matérias que divulgam dados sobre a situação na região.

Demi Lovato escreveu sobre a pouca cobertura do assunto por veículos internacionais. “A Amazônia está queimando por três semanas e só agora eu to sabendo disso pela falta de cobertura da mídia. Ela é um dos ecossistemas mais importantes da terra. Espalhe informação”, compartilhou a artista no seu Instagram Stories.

Anitta compartilhou um texto escrito pela ativista e amiga pessoal, Luisa Mell: “Senhor presidente da república, Respeite o povo brasileiro. Assuma sua responsabilidade! Não nos trate como idiotas. Sim, época de seca na Amazônia, mas as causas naturais não são suficientes para explicar a magnitude dos incêndios neste ano. É um crime contra toda a humanidade o que acontece neste momento. O senhor pode dizer que os números mentem, pode tentar acusar os cientistas de estarem contra o senhor. Pode tentar jogar a culpa nas ongs. Mas a verdade se impõe. Será o senhor um esquecido?”, diz o texto.

Já Ariana Grande compartilhou a mesma publicação que muitos outros artistas sobre a falta de divulgação da imprensa sobre o assunto. Cara Delevingne, Jaden Smith, Billie Eilish e Leonardo Di Caprio foram outras celebridades que falaram as queimadas que devoram a floresta amazônica. Alguns utilizaram também a hashtag #PrayforAmazonia. (Blog do Esmael)

Câmara aprova projeto que amplia posse de arma em toda propriedade rural


Agência Brasil/com informações do G1

O Plenário da Câmara aprovou na noite desta quarta-feira (21), por 320 votos a 61, o Projeto de Lei 3.715/19, que autoriza a posse de arma em toda a extensão de uma propriedade rural. A medida garante ao dono de uma fazenda, por exemplo, o direito de andar com uma arma de fogo em qualquer parte de sua propriedade. Atualmente, de acordo com o Estatuto do Desarmamento, a posse de armas é permitida apenas na sede da propriedade rural. Agora, texto segue para a sanção do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

Agora depende de Bolsonaro

Como o texto já foi aprovado na Câmara dos Deputados, ele seguirá para a sanção do presidente Jair Bolsonaro (PSL), que decidirá se sanciona, veta parcialmente ou veta a íntegra.

Como foi a votação

Durante a votação, os deputados rejeitaram uma emenda que permitiria incluir no projeto de lei um dispositivo que alteraria o Estatuto do Desarmamento para garantir porte de arma ao proprietário rural.

A segurança no campo foi o elemento central durante as discussões do projeto da proposta. Os defensores da proposta argumentaram que os agricultores precisam ter condições de se defender da criminalidade, enquanto os que se posicionavam contra o PL diziam que a medida poderia agravar a violência no campo.

O relator do projeto, deputado Afonso Hamm (PP-RS), disse a proposta tem o apoio do setor rural e que vai beneficiar os pequenos proprietários. “A arma, que nas mãos dos bandidos é uma ameaça à sociedade, nas mãos do cidadão de bem é garantia da paz social, porque ele vai usá-la em defesa da sua vida e de seus familiares”, disse.

O deputado Jorge Solla (PT-BA) disse que a posse estendida vai fomentar ainda mais a violência no campo – seja contra movimentos sociais, índios ou trabalhadores. “Só quem tem a ganhar são as milícias, são os fabricantes de arma, são os que promovem a violência no campo”, disse.

Diferença de Posse x Porte

Lembrando que posse de arma é a permissão de se manter armado dentro de casa, o contrário do direito ao porte, que é a autorização de transportar a arma fora de sua residência. O que foi aprovado, nesta quarta-feira (21), foi o direito à posse. No caso da propriedade rural, a posse é permitida em todo o território da fazenda.

Proxima