Em vídeo, filho de Bolsonaro diz que para fechar o STF basta 'um soldado e um cabo'


O deputado eleito Eduardo Bolsonaro (PSL), filho do candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL), afirmou que "para fechar o STF (Supremo Tribunal Federal) você manda um soldado e um cabo". O comentário foi feito após ele ser questionado sobre a possibilidade de a Corte impugnar a candidatura do pai. "O que que é o STF, cara? Tipo, tira o poder da caneta de um ministro do STF, o que que ele é na rua?", indaga ele. O vídeo, feito durante uma palestra, foi divulgado nas redes sociais neste domingo, 21, e está gerando críticas.

Durante visita a São Luís, no Maranhão, neste domingo, 21, o candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad, afirmou que, no vídeo, Bolsonaro está ameaçando fechar o STF. “Há muito medo de violência por parte de Bolsonaro. Um filho dele chegou a gravar, de um pensamento, se é que se pode chamar de pensamento o que eles falam, é uma coisa tão impressionante que não sei se pensam para falar. Disse que iam prender, fechar o Supremo Tribunal Federal caso batessem de frente com o executivo”, comentou o candidato. A informação é da Folha de S. Paulo.

Não há confirmação sobre quando o vídeo foi feito.

A palestra, que ocorreu antes do primeiro turno, foi gravada por participantes. Em determinado momento, alguém da plateia, que não pode ser visto pela câmera, questiona a Eduardo Bolsonaro: "Teu pai sendo eleito no 1º turno, há possibilidade do STF, que há uma previsibilidade, dele agir e impedir que o seu pai assuma? E isso acontecendo, o Exército pode agir sem ser invocado lá, salvo engano, acho que o artigo primeiro, se isso acontecer?".

"Aí já está caminhando para um estado de exceção, né?", começa a responder Eduardo. "O STF vai ter que pagar pra ver, e aí quando ele pagar pra ver vai ser ele contra nós", comenta o deputado.

"O pessoal até brinca lá, cara. Se quiser fechar o STF, sabe o que você faz? Você não manda nem um jipe, cara, manda um soldado e um cabo. Num é querer desmerecer o soldado e o cabo, não. O que que é o STF, cara? Tipo, tira o poder da caneta de um ministro do STF, o que que ele é na rua? (...) Se você prender um ministro do STF, você acha que vai ter uma manifestação popular à favor dos ministros do STF? Milhões na rua? 'Solta o Gilmar, solta o Gilmar'? Com todo respeito que eu tenho ao excelentíssimo ministro Gilmar Mendes, que deve gozar de uma imensa credibilidade com os senhores".  

No Twitter, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) repudiou a fala da Eduardo Bolsonaro. "Prega a ação direta, ameaça o STF. Não apoio chicanas contra os vencedores, mas estas cruzaram a linha, cheiram a fascismo".


Fonte: O Povo.com

Comentários

Anterior Proxima Página inicial