Janaína Paschoal defende que Bolsonaro renuncie


Houldine Nascimento, especial para o blog do Magno

Antiga apoiadora, a deputada paulista Janaína Paschoal (PSL) defendeu, hoje, a renúncia do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Em entrevista ao portal Mais PB, ela chegou a dizer que anda "pouco otimista" e que não haveria tempo para um impeachment.

"É um momento grave, talvez o mais grave, pois foi muito esforço para tirar o Brasil das mãos de uma quadrilha. Muito trabalho para eleger um representante da direita e, agora, vários dos pilares que foram eleitos estão ruindo. Parece que o país tem um carma. A situação ganha gravidade, por força da pandemia que assola o mundo", declarou.

Janaína Paschoal se notabilizou por ser autora do pedido de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, que teve o mandato cassado em 2016. "A meu ver, a solução seria os ministros militares convenceram o presidente [Jair Bolsonaro] a renunciar, mantendo Guedes e trazendo Moro de volta. Falo isso com dor no coração, mas o país precisa de estabilidade e o presidente e sua família só sabem viver em crise", avaliou.

A deputada estadual de São Paulo foi além ao dizer que Bolsonaro é "um presidente sem noção da realidade" e "rodeado por pessoas ainda mais insanas e cegas". Janaína também criticou a oposição: "Corrupta, oportunista".

Comentários

Anterior Proxima Página inicial
Blog do Ivonaldo Filho - Todos os Direitos Reservados. Tecnologia do Blogger.