quarta-feira, 5 de fevereiro de 2020

Adolescentes da Funase levam alegria a idosos, em abrigo de Arcoverde


Imagens: Divulgação/Funase
JC Online

Os socioeducandos da unidade da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase), situada em Arcoverde, no Sertão de Pernambuco, colocaram em prática a solidariedade. Com a campanha “Adote um Avô”, eles promoveram um dia de alegria, abraços apertados e escuta aos 32 idosos atendidos no Abrigo São Vicente, no município. A atividade pedagógica foi proposta pela instituição como uma oportunidade de exercitar a empatia no processo de reintegração desses jovens à sociedade.

Pedidos

A visita contou com a oferta de um lanche, acompanhada de orações e de uma apresentação do cantor Tom Lima. Depois, cada adolescente, acompanhado por agentes socioeducativos, profissionais técnicos da Funase e funcionários do abrigo, iniciou um processo de conversa sobre o que os idosos desejam receber como presente. Os pedidos foram variados: anel, calça, relógio, sabonete, produtos estéticos, camisa social e até um rádio para ouvir missas. Agora, na segunda parte da ação, funcionários da Funase e outras pessoas que aderirem à campanha farão um esforço coletivo para honrar as solicitações.

A coordenadora geral do Case/Cenip Arcoverde, Paula Cibele, conta como foi a ação, que ela define como uma 'grande corrente'. "Assumimos a missão de voltar levando aquilo que os idosos pediram no processo de escuta, simbolizado com o que foi escrito em cartazes. Mais que isso, sabemos que foi uma ação que combateu a solidão, que levou alegria para aquelas pessoas e que representou muito para os adolescentes e para todos nós que participamos”, avalia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário