quinta-feira, 22 de outubro de 2020

INSS confirma suspensão da prova de vida até o fim de novembro

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) informou que os benefícios que dependem de prova de vida continuarão a ser pagos sem essa exigência até novembro. Por causa da pandemia do novo coronavírus, o órgão suspendeu a comprovação no período de março até o dia 30 de novembro.

A princípio, o órgão adiou a prova de vida até 30 de setembro. No entanto, o prazo foi estendido para 31 de outubro e, agora, para o fim de novembro. Vale ressaltar que o recadastramento anual de aposentados e pensionistas pode ser prorrogado novamente enquanto durar o estado de calamidade pública.

A suspensão da comprovação é válida para os beneficiários residentes no Brasil e no exterior. Contudo, de acordo com a portaria, as obrigações contratuais estabelecidas entre o INSS e a rede bancária que paga os benefícios permanece. Além disso, a prova de vida deverá ser realizada normalmente pelo bancos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário