quinta-feira, 3 de dezembro de 2020

Rodela, do 'Programa do Ratinho', morre após três paradas cardíacas

O humorista Luiz Carlos Ribeiro, conhecido como Rodela, morreu na noite deste quarta-feira (2), aos 66 anos, em Guarulhos, na Região Metropolitana de São Paulo. O ator, que recentemente foi diagnosticado com covid-19, estava na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). A informação foi confirmada ao R7 pela equipe do artista. 

De acordo com Murilo Bordoni, produtor do Programa do Ratinho, do SBT, ele não resistiu após três paradas cardíacas. "Ele passou por uma hemodiálise e teve três paradas cardíacas. Estou arrasado. Falava quase que diariamente com ele. Meus sinceros sentimentos à Vera e aos filhos", escreveu no Instagram. 

O artista estava internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Geral de Guarulhos, na Grande São Paulo, desde o dia 26 de novembro. À época, Rodela deu entrada na unidade com 95% dos pulmões comprometidos. No dia 27, ele chegou a apresentar "melhora significativa" no quadro de saúde, mas não aguentou.

O comediante ficou conhecido por participar de vários programas de televisão. Na Record TV, atuou no Leão Livre, apresentado por Gilberto Barros, e no Show do Tom (2004 - 2011), comandado por Tom Cavalcante. No SBT, emissora de Silvio Santos, ele passou por alguns programas, mas se descacou pela sua participação no Programa do Ratinho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário